Stock: Categoria abre temporada 2006 em grande estilo

Em clima de festa e com a expectativa de ser a mais forte temporada da história, foi aberta nesta terça-feira (4) a Stock Car Brasil 2006, a principal categoria do automobilismo nacional e que neste ano reunirá 90 carros. Pilotos e equipes da Stock Car V8, Stock Car V8 Light e Stock Jr., autoridades do esporte, imprensa e convidados participaram da apresentação oficial no Autódromo Internacional José Carlos Pace, em Interlagos, antes do início dos treinos coletivos. A temporada terá sua primeira etapa no final de semana, no mesmo local, com transmissão ao vivo da V8 pela canal SporTV.

“A Stock Car inicia uma nova temporada com uma expectativa muito positiva. Esta categoria proporciona grandes espetáculos e é reconhecida mundialmente, por isso decidimos fazer uma apresentação como esta, diferente de tudo que já fizemos. Temos pilotos e equipes cada vez mais profissionais, o que torna esta disputa tão acirrada e emocionante. A temporada 2006 tem tudo para ser uma das mais marcantes da modalidade”, destacou Carlos Col, diretor da Vicar Promoções, realizadora da Stock Car Brasil.

O evento ainda contou com representantes das três marcas envolvidas na Stock Car V8, Chevrolet, Mitsubishi e a estreante Volkswagen, e do presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), Dr. Paulo Scaglione, que enalteceu a estréia da Stock Jr. “Trata-se de um filhote da categoria, que certamente renderá lucros para o automobilismo nacional. A Confederação confia na Vicar para a realização de mais um grande campeonato”, afirmou Sclaglione.

A expectativa de sucesso é baseada em algumas alterações no regulamento, que tornarão a briga pelo título e as próprias etapas ainda mais emocionantes. A Super Classificação, que reunirá os dez melhores tempos dos treinos de classificação; Playoff após a oitava etapa com os dez mais bem classificados na competição; e liberação da “Aquisição de Dados”, equipamento que possibilitará um domínio maior do chefe de equipe e melhor segurança, são as atrações confirmadas para as 12 etapas da Stock Car V8.

No que diz respeito à competição, a grande mudança é a criação do Playoff. Após a oitava etapa, os dez pilotos mais bem colocados disputarão diretamente o título. Com nova pontuação (1º, 25 pontos; 2º, 20, 3º 16; 4º, 14; 5º, 12; 6º, 10; 7º, 09; 8º, 08; 9º, 07; e 10º, 06), eles terão as quatro etapas restantes para lutarem pelo título da temporada. Os demais participantes continuarão pontuando normalmente e o melhor no final da temporada será declarado 11º colocado e assim sucessivamente. Não haverá descarte de resultados. A fórmula dará uma nova emoção à reta final da competição, deixando aberta a briga pelo primeiro lugar. Vale lembrar que o regulamento da categoria pode ser obtido no site da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

Cada etapa também terá um atrativo a mais com a Super Classificação. O grid terá um limite máximo de 38 carros e, após os treinos oficiais de sexta e sábado, os dez mais rápidos farão um treino extra e os tempos obtidos definirão a ordem no grid. “Dez minutos antes da Super Classificação, os dez mais rápidos até o momento deverão estar alinhados em 45º na frente do respectivo box, sendo que a ordem de saída será determinada pela posição nos treinos anteriores. Os pilotos terão dez minutos para fazer o tempo mais rápido, sendo que a entrada no box não permitirá retorno, valendo o tempo obtido até aquele momento”, explica Carlos Col, diretor da Vicar Promoções, realizadora e organizadora da Stock Car Brasil.

Já na parte técnica, foi liberado o uso da “Aquisição de Dados”. “Após longa discussão e uma ampla consulta oficial com todas as equipes, foi aprovado o uso deste equipamento que vai fornecer muitas informações importantes. Entre elas, a comparações entre os carros da equipe, entre regulagens diferentes e melhor monitoramento dos paramentos do motor. Tudo acaba por resultar em domínio maior da situação por parte do chefe de equipe e melhor segurança quanto a eventuais quebras de motor causadas por passadas de giro, falta de pressão de óleo, temperatura de água, etc.”, completa Col.

PILOTOS E EQUIPES

Na Stock Car V8, que este ano marca a estréia do Volkswagen Bora ao lado do Chevrolet Astra e do Mitsubishi Lancer, são 43 carros. A relação de equipes e pilotos já confirmados é a seguinte: Astra – Medley/A.Mattheis, Giuliano Losacco e Guto Negrão; Vogel Motorsport, Thiago Camilo e Gualter Salles Jr.; Boettger Competições, Alceu Feldmann e Allam Khodair; RC3 Bassani, Mateus Greipel e Renato Jader David; MT Racing, Wanderlei Rack Junior; Hot Car Competições, Popó Bueno e Geraldo Rola; L&M Racing, Valdeno Brito e Wagner Ebrahim; Scuderia 111, Nono Figueiredo e Felipe Gama; Powertech, Diogo Pachenki e Hybernon Cisne; Neosoro JF Racing, Rodrigo Sperafico e Rubens Fontes; Carreira Racing, Luis Carreira e Fábio Carreira; M4T Motorsport, Paulo Salustiano; e AJ5 Racing, Adalberto Jardim; Lancer – Eurofarma RC, Antonio Jorge Neto e Cacá Bueno; AMG Motorsport, Ingo Hoffmann; Katalogo Racing, Ricardo Maurício; Nascar Motorsport, Christian Conde e Ricardo Etchenique; Terra/Avallone, Felipe Maluhy e Christian Fittipaldi; Officer Pamplona’s Motorsport, Duda Pamplona; Bora Petrobras Action Power, Luciano Burti e Thiago Marques; Amir Nasr Racing, Hoover Orsi;WB Motorsport, Chico Serra; RS Competições, Rogério Santos; Sama-Gomesport, Pedro Gomes; e CA Competition Team, Carlos Alves.

Já na Stock Car V8 Light, o campeonato contará com 30 carros e a presença de nove equipes novas, deixando claro que a categoria continua sendo atrativa como preparação para a V8. As equipes e pilotos confirmados são estes, todos com Chevrolet Astra: WT Racing, Wigberto Tartuce; Carreira Racing, Gustavo Sonderman e Lucas Schowambach; F&F Racing, Afonso Bastos; Full Time Sports, Daniel Landi e Otávio Mesquita; Hot Car Competições, Jefferson Endo e Paulo Roberto Bonifácio; RC Competições, Liko Kaesemodel; TG Competições, Tiago Gonçalves e Felipe Nogueira; W2 Racing, Rafael Daniel; Pachenki Motorsport, Alexandre Izzo; M4T Motorsport, William Starostik e Guilherme Figueroa; GS Racing Team, Gustavo Sucolotti; Nordeste Racing, Alcides Moreira; J. Racing, Murillo Macedo; A. Guaraná Sports, Leonardo Burti e Rodrigo Stefanini; Bennamed Motorsport, Renato Russo, Cristiano Frederico e Eduardo Borges; AMG Motorsport, Norberto Gresse; Nova/RR Competições, Ariel Barranco e Marcos Gomes; WB Motorsport, Daniel Serra; e L&M Racing, Giuseppe Vecci.

Os pilotos confirmados para a Stock Jr. representam cinco estados e o Distrito Federal, além de um do exterior. A relação de participantes é a seguinte: Cristian Mohr (SC), Cauê Carvalho (SP), Cristian Sérgio (SP), Diogo Broka (DF), Emerson Reck (MT), Eduardo Mourato (SP), Felipe Polehto (SP), Ítalo Jorge (MG), Jason Oliveira (SP), Michel Aboissa (SP), Marcio Campos (RS), Rafael Negrão (SP), Rafael Oliveira (SC), Rogério Nery (DF), Thiago Riberi (SP), Tercetti Júnior (EUA) e Wanderley Reck (MT).

A Stock Car Brasil tem realização e organização da Vicar Promoções, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo. Os patrocínios são de Chevrolet, Volkswagen, Mitsubishi e Pirelli e co-patrocínio da Bosch, Texaco e Medley. Apoios de Cobreq, Fremax, Transzero e Binno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *