Stock: De ponta a ponta, Cacá Bueno vence em Londrina

Cacá Bueno (Red Bull Racing/Chevrolet) venceu neste domingo (1º/07) no autódromo Ayrton Senna, em Londrina, no Paraná, a 5ª etapa da temporada. Foi a sua 3ª vitória no ano, e 29ª na categoria. Luciano Burti (Itaipava Racing Team/Peugeot) e Daniel Serra, parceiro de equipe de Bueno, completaram o pódio.

Pole-position, Bueno venceu de ponta a ponta, após 35 voltas e 42min09s982, com 1s659 de vantagem sobre Burti, que alinhou ao seu lado no grid. Burti marcou a melhor volta da prova.

“Larguei bem, consegui guardar minha posição, mas fiquei preocupado em abrir vantagem para que o Burti não pudesse usar o botão para me ultrapassar. Depois que consegui isso, o trabalho foi mesmo de administração, cuidar do equipamento, não pegar zebra… O trabalho todo aqui em Londrina foi nota 1 milhão”, explicou o vencedor.

Líder do campeonato, Serra superou Thiago Camilo (RCM Motorsport /Chevrolet) faltando duas voltas para o final, e garantiu a última vaga no pódio. 

Camilo foi o 4º. Ricardo Maurício (Eurofarma RC/Chevrolet) e Valdeno Brito (Shell Racing /Peugeot), separados por apenas 0s119, completaram os seis primeiros. 

Marcos Gomes (Medley/Peugeot), Julio Campos (Carlos Alves Competições/Peugeot), Max Wilson (Eurofarma RC/Chevrolet) e Antonio Pizzonia (Comprafacil JF/Peugeot) fecharam os dez primeiros.

A prova, sem nenhum acidente mais sério, foi toda disputada em bandeira verde.  Apenas um piloto abandonou: Pedro Nunes (Bassani Racing/Peugeot).

Serra mantém a liderança do campeonato, com 88 pontos, apenas um a mais do que Bueno. Maurício, em 3º, soma 75. 

A próxima etapa acontece em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, no dia 15 de julho. 

Final:

1.º) Cacá Bueno, Red Bull Racing (Chevrolet) – 35 voltas, em 42min09s982

2.º) Luciano Burti, Itaipava Racing Team (Peugeot) – a 1s659

3.º) Daniel Serra, Red Bull Racing (Chevrolet) – a 6s894

4.º) Thiago Camilo, RCM Motorsport (Chevrolet) – a 9s836

5.º) Ricardo Maurício, Eurofarma RC (Chevrolet) – a 10s205

6.º) Valdeno Brito, Shell Racing (Peugeot) – a 10s334

7.º) Marcos Gomes, Medley Fulltime (Peugeot) – a 10s604

8.º) Julio Campos, Carlos Alves Competições (Peugeot) – a 11s225

9.º) Max Wilson, Eurofarma RC (Chevrolet) – a 11s576

10.º) Antonio Pizzonia, Comprafacil JF (Peugeot) – a 15s392

11.º) Nonô Figueiredo, Mobil Super Pioneer Racing (Chevrolet) – a 18s773

12.º) Ricardo Zonta, Linea Sucralose (Chevrolet) – a 19s144

13.º) Átila Abreu, Mobil Super Pioneer Racing (Chevrolet) – a 32s005

14.º) Lico Kaesemodel, RCM Motorsport (Chevrolet) – a 32s239

15.º) Ricardo Sperafico, Prati-Donaduzzi Racing (Peugeot) – a 32s353

16.º) Diego Nunes, Hot Car Competições (Chevrolet) – a 32s656

17.º) Popó Bueno, Linea Sucralose (Chevrolet) – a 32s983

18.º) Denis Navarro, Neoquimica Vogel Motorsport (Chevrolet) – a 33s351

19.º) David Muffato, Itaipava Racing Team (Peugeot) – a 33s661

20.º) Xandinho Negrão, Medley Fulltime (Peugeot) – a 34s106

21.º) Rodrigo Sperafico, Prati-Donaduzzi (Peugeot) – a 34s383

22.º) Pedro Boesel, Comprafacil JF (Peugeot) – a 38s809

23.º) Tuka Rocha, BMC Racing (Chevrolet) – a 39s566

24.º) Vitor Meira, Officer ProGP (Chevrolet) – a 39s834

25.º) Galid Osman, BMC Racing (Chevrolet) – a 40s930

26.º) Duda Pamplona, Vogel Motorsport (Chevrolet) – a 41s290

27.º) Eduardo Leite, Hot Car Competições (Chevrolet) – a 54s641

28.º) Rafael Daniel, Bassani Racing (Peugeot) – a 56s444

29.º) Patrick Gonçalves, Carlos Alves Competições (Peugeot) – a 1min05s219

30.º) Allam Khodair, SER-Glass Vogel Motorsport (Chevrolet) – a 1 voltas

31.º) Alceu Feldmann, Shell Racing (Peugeot) – a 3 voltas

Não completou 75% (= 26 voltas)

32.º) Pedro Nunes, Bassani Racing (Peugeot) – a 35 voltas

Melhor volta: Luciano Burti, volta 15, 1min11s467 (média: 153,89 km/h)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *