Stock: Duda Pamplona preparado para etapa de Brasília

As mudanças no regulamento técnico do Campeonato Brasileiro de Stock Car deste ano criaram variáveis que afetam todo o processo de acerto dos carros, algo que pode ter conseqüências importantes em uma categoria onde os treinos livres são proibidos. No ano passado Duda Pamplona dividiu a primeira fila do grid com o pole position Valdeno Brito e manteve-se no pelotão dianteiro até que um pneu furado o relegasse a uma corrida de recuperação que culminou com o nono lugar na classificação geral.

“A corrida de Brasília em 2007 foi sem dúvida uma das mais gratificantes da temporada passada”, comentou o piloto da Officer Motorsport. “Nossa recuperação mostrou que havíamos chegado ao nível das principais equipes e confirmou que trabalhando sério e com dedicação podíamos disputar as primeiras posições. Por outro lado, o desgaste dos pneus continua me preocupando para este ano”, completou o piloto.

A preocupação é justificada pelo fato que este ano a Stock Car V8 utiliza pneus Goodyear em lugar de Pirelli e as equipes ainda buscam mais referências sobre o desgaste e eficiência no que se refere ao melhor aproveitamento desse componente. Além disso, Brasília é um circuito peculiar na temporada, já que os 2.919 metros do seu percurso praticamente estão distribuídos em quatro retas e quatro curvas à direita.

Para Fábio Gaia, diretor esportivo da Officer Motorsport, não se deve esquecer que “o asfalto local é um dos mais abrasivos do País, o que vai exigir atenção redobrada para a corrida de domingo”. O lado positivo deste fim de semana, porém, não deixa de ser a antecipação da corrida, até então disputada em uma época de seca, para meados de outono, “quando o clima mais úmido significa menor desgaste para os pilotos”, completou Gaia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *