Stock: Em sua melhor temporada, Officer ProGP termina 2010 com Maluhy e Duda nos pontos

Felipe Maluhy é sexto e Duda décimo-quinto

Felipe Maluhy e Duda Pamplona, os dois pilotos da equipe Officer ProGP, terminaram a prova final do Campeonato Brasileiro de Stock Car, disputada hoje, no Autódromo Internacional de Curitiba, respectivamente em sexto e décimo-quinto lugares. O resultado consolida a melhor temporada do time liderado por Pamplona e Fábio Gaia desde sua criação, em 2005: na classificação por equipes a Officer ProGP ficou em sexto lugar entre 17 concorrentes. A competição de hoje foi marcada por vários acidentes e incidentes, conseqüência da chuva que caiu a partir da segunda volta. O paulista Diego Nunes conseguiu sua primeira vitória na categoria e outro paulista, Max Wilson, ficou em oitavo lugar e garantiu o título. Indiretamente Felipe Maluhy definiu o novo campeão, já que terminou em sexto e exatamente à frente de Cacá Bueno, que precisa chegar ganhar uma posição para chegar ao seu quarto título. Maluhy classificou a prova de hoje como uma das mais emocionantes da sua carreira:

“Sem dúvida nunca corri debaixo de uma chuva tão forte. Eu não enxergava nada e para piorar ainda mais, o pára-brisas do meu carro trincou e reduziu ainda mais a visibilidade. Guiei no melhor estilo pilotando por instrumentos: na reta dos boxes minha referência era o muro, na reta oposta eram as placas e assim por diante.”

Ao terminar uma posição à frente de Cacá Bueno Felipe Maluhy ajudou a definir o título da temporada, pois Wilson garantiu o título por apenas um ponto de vantagem sobre Bueno. Ao saber disso Maluhy não perdeu a oportunidade para parabenizar Max Wilson e mandar um recado:

“Agora preciso ir cumprimentá-lo pessoalmente e cobrar dez por cento do premio que ele ganhou…”

Tal como Maluhy, Duda Pamplona também teve sua corrida prejudicada pela chuva, mas mesmo assim recuperou nove posições:

“Foi sem dúvida uma competição das mais desgastantes e difíceis que já disputei. Na primeira fase da prova meu carro foi atingido por outro e danificou parte da carenagem, mas consegui chegar ao final da prova e marcar mais um ponto em uma temporada onde conseguimos nosso melhor resultado.”

O diretor esportivo da equipe, Fábio Gaia, enfatizou que o sexto lugar entre os times reflete o trabalho e a dedicação de todo o time:

“Terminar o ano com nossos dois pilotos marcando pontos em uma das corridas mais difíceis que já presenciei é um premio justo para uma equipe que demonstrou dedicação e disposição para trabalhar durante toda a temporada que encerramos com nosso melhor resultado entre os times. Quero parabenizar o Felipe e o Duda pelos bons resultados na pista e também o Max, por ter conquistado o campeonato de pilotos.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *