Stock: Equipes não devem trocar pneus durante etapa de Santa Cruz

Pilotos dizem que o tempo perdido no pit stop não é recuperado na pista.

Obrigatório antes do início da temporada 2009 da Stock Car, o pit stop para troca de pneus foi sendo “moldado” no decorrer do Campeonato. Agora, na quarta etapa do Campeonato, passou a ser opcional. E na corrida deste domingo (17), em Santa Cruz do Sul (RS), as equipes não devem optar pela mudança do jogo de pneus, tendo apenas que fazer o reabastecimento do carro.

Isso porque o tempo perdido no pit stop dificilmente é recuperado durante na pista. O pole position da etapa, Cacá Bueno, acredita que mesmo com o ganho de rendimento, as posições perdidas durante a parada não voltam. “Essa pista não possui muitos pontos de ultrapassagem”, destaca.

Mesmo pilotos que enfrentaram dificuldades no classificatório, e que vão largar no pelotão intermediário, não devem optar pela troca. Alceu Feldmann (Arigaf / Boettger) foi um dos que não passaram do Q1, ao marcar o 24º tempo. Com isso, o paranaense, que disputou o playoff no ano passado e em 2006, terá que fazer mais uma corrida de recuperação para chegar aos pontos – assim como aconteceu há duas semanas, em Brasília.

Na Capital Federal, Feldmann largou em 30º e cruzou a linha de chegada em 13º. Apesar de a posição de largada neste domingo ser melhor, a tarefa é bem mais difícil. “A pista de Brasília propicia mais ultrapassagens. Além disso, o calor e o asfalto abrasivo provocam quebras. Aqui em Santa Cruz não deve ser assim”, prevê o piloto do Chevrolet Power Team.

Mesmo com uma missão “quase” impossível, o piloto acredita na possibilidade de chegar à zona de pontos. ”Nosso carro dificilmente quebra. Vamos torcer para que amanhã continue assim e para que eu consiga fazer uma boa largada”, diz Alceu.

A prova está marcada para às 11 horas deste domingo, com transmissão ao vivo pelo site globoesporte.com. A TV Globo mostrará a metade final da corrida, dentro da programação do Esporte Espetacular.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *