Stock: Inspirado na Nascar, novo pit stop da Stock Car deve trazer emoção extra em 2011

Segundo Thiago Meneghel, chefe da equipe Comprafacil, parada para troca de pneus trará a principal mudança desta temporada, agora com menos mecânicos trabalhando no carro e apenas uma pistola para trocar os pneus

Na F-1, a expectativa para a abertura da temporada na Austrália é saber como se comportarão os novos pneus Pirelli que, atendendo ao pedido da própria categoria, deverão se desgastar mais rápido e proporcionar mais emoção às corridas. Na Stock Car, as paradas de box também ganham destaque em 2011: o fornecedor de pneus é o mesmo (Goodyear), mas o regulamento atual restringiu a presença de apenas cinco mecânicos no carro e somente uma pistola automática para fazer a troca.

Segundo o engenheiro Thiago Meneghel, chefe da equipe Comprafacil na Stock Car (dos pilotos Alceu Feldmann e Popó Bueno), esta mudança deve tornar a estratégia de corrida ainda mais importante nesta temporada.

“O regulamento fez esta restrição com o objetivo de ajudar as equipes a ter menores custos: antes a operação de pit stop envolvia nove mecânicos, e este pessoal precisava ser bastante especializado”, explica Meneghel, que trabalha com Andreas Mattheis desde 2006 e já conquistou dois títulos da Stock Car (com Ricardo Maurício em 2008 e Cacá Bueno em 2009).

“O pit stop de 2011 será mais parecido com o da Nascar, com menos gente no box, e por isso acredito que um bom trabalho nesta parada será mais destacado neste ano, porque, com menos mecânicos, é muito mais difícil fazer uma troca de pneus perfeita em poucos segundos”, afirma Meneghel.

A expectativa é que o tempo de parada aumente dos atuais 10s para cerca de 20s para a troca dos quatro pneus. Outra opção é trocar somente dois compostos e, desta maneira, conseguir se aproximar de uma parada curta, de 10s. “Com certeza vai ter mais pilotos pensando em não trocar todos os pneus, até porque o composto da Goodyear que vamos usar neste ano é o de 2009, que dura mais”, explica Popó Bueno.

É com este novo ingrediente que a equipe Comprafacil.com desembarca em Curitiba, onde a partir desta sexta-feira serão disputados os primeiros treinos livres da abertura da Stock Car, em rodada conjunta com a etapa brasileira do Mundial de Turismo da FIA (WTCC).

Esta será a primeira vez desde 2004 que a abertura do campeonato mais prestigiado do automobilismo brasileiro não ocorre no autódromo paulistano de Interlagos. Naquela temporada, a Stock Car também começou em Curitiba e um dos destaques da prova foi Alceu Feldmann, hoje piloto da equipe Comprafacil: ele subiu no pódio ao chegar na segunda colocação.

O primeiro treino livre para a etapa de abertura da Stock Car está marcado para às 8h (horário de Brasília) desta sexta-feira. A corrida será no domingo, às 11h, com exibição dentro do programa Esporte Espetacular, da TV Globo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *