Stock: Itaipava Racing Team destaca evolução para etapa do Rio de Janeiro

Equipe marcou os primeiros pontos da temporada na corrida anterior, no Velopark.

Os resultados ainda estão começando a aparecer, os pontos conquistados por Luciano Burti na etapa passada, no Velopark, foram os primeiros da Itaipava Racing Team, mas para o chefe de equipe não há dúvidas de que o time chega no melhor momento do ano para a quarta etapa da temporada, que será disputada neste domingo (23) no Rio de Janeiro (RJ).
“Acho que a equipe inteira vem se entrosando, os componentes vão se conhecendo melhor”, destaca Maurício Ferreira, que neste ano conta com dois novos pilotos: Luciano Burti e David Muffato. Na opinião dele, outro fator de motivação para esta corrida é o desempenho recente do time no Autódromo Internacional Nelson Piquet.
“O que aumenta a nossa confiança é que no ano passado a equipe esteve muito bem nesta pista, nós dominamos todos os treinos, largamos na primeira fila e quebramos quando liderávamos”, acrescenta Maurício Ferreira. O retrospecto dos pilotos também é bom. Há dois anos, Luciano Burti foi o segundo colocado na Corrida do Milhão.
“É uma pista que eu sempre gostei bastante, então se o carro se mostrar competitivo com certeza é um circuito para conquistarmos um bom resultado. A equipe vem mostrando potencial e agora é preciso trabalhar para não enfrentarmos problemas como aquele do treino classificatório no Velopark”, afirma Luciano Burti.
Na etapa passada, ele teve a tomada de tempo comprometida, mas veio bem na prova, ganhou dezesseis posições e acabou em sétimo. “Na corrida, mostramos que tínhamos potencial para largar na frente”, analisa Luciano Burti. O piloto não tem grandes preocupações em relação ao desgaste de pneus.
“A pista do Rio de Janeiro provoca um desgaste maior dos compostos, por ter um asfalto mais abrasivo, mais velho, mas com um pit stop obrigatório não vejo isso como um problema. Acredito que também não será algo determinante. Vai ganhar quem tiver o melhor carro, as corridas são assim”, comenta o piloto da Itaipava Racing Team.
“O desgaste você pode controlar com o acerto do carro, então não é algo que me preocupa. Estou querendo mesmo é saber como vão se comportar as novas pastilhas de freio, que passaram por algumas mudanças”, afirma David Muffato, companheiro de equipe de Luciano Burti. Ele também se mostra muito satisfeito com o momento do time.
“Está claro que tivemos uma evolução, não só em relação ao carro, mas a equipe de uma forma geral. Tínhamos chances de ter os dois carros entre os dez primeiros no Velopark e temos tudo para repetir este desempenho. E eu gosto muito de andar na pista do Rio de Janeiro, onde sempre me dei bem”, conclui David Muffato. 
A programação será a mesma das provas anteriores. Os treinos livres começam nesta sexta-feira (21). No sábado (22) será realizada a tomada de tempo. A corrida está marcada para domingo às 11h10, com exibição dos principais momentos pela Rede Globo. O campeonato tem a liderança de Átila Abreu, com 49 pontos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *