Stock Jr.: Agora como certame Paulista, Stock Jr. abre temporada com prova de arrepiar

Dez pilotos formaram o grid da primeira etapa do certame Paulista.

O automobilismo ganhou, nesse final de semana, uma nova categoria. O Campeonato Paulista de Stock Jr., que nesta temporada passa a utilizar os carros da extinta Stock Car Júnior, teve sua primeira etapa disputada ontem (7), no autódromo de Interlagos, em São Paulo. A prova integrou a programação de abertura do Campeonato Paulista de Velocidade no Asfalto e reuniu 10 pilotos no grid.

A primeira corrida da competição foi vencida por Luiz Augusto, que largou na pole position e teve como principal adversário o experiente piloto Beto Cavaleiro, que competiu pela quinta vez a Stock Jr.. “Pode parecer que foi fácil, se olhar o resultado e ver que venci de ponta a ponta. Mas tive muito trabalho para segurar o Beto no final, que já está familiarizado com os carros e o circuito”, disse o campineiro.

 

Ele tinha razão. Após fazer o melhor tempo nos treinos classificatório do sábado, manteve o pé no chão e não se considerava o favorito da prova. “Esperava ficar entre os três primeiros, mas a vitória me surgia aos olhos a cada volta”, falou entusiasmado.

 

Já o segundo colocado, Beto Cavaleiro, só queria mais uma volta no circuito de quatro mil e 300 metros de Interlagos. “Corri para buscar a vitória, mas o mérito do Luiz Augusto foi o de não me deixava passar. Ele fechou a porta direitinho, tanto que cruzei a linha de chegada muito próximo dele. Acho que se houvesse mais uma volta ganharia a prova”, disse resignado. “Cravei o menor tempo na última volta da prova, o carro estava ótimo e eu vinha voando baixo. Faltou apenas a ultrapassagem”, definiu.

 

Seguindo a tradição da categoria, quando a prova atingiu metade do tempo, a corrida foi neutralizada com a entrada do Safety Car na pista para o reagrupamento do pelotão. Alguns pilotos aproveitaram melhor esse recurso do que outros, como Felipe Benitez, que largou em último e chegou na quarta posição.

 

Na relargada, Luiz Augusto manteve a liderança e ainda conseguiu um fôlego sobre o segundo colocado, que vinha se revezando entre Eduardo Furlanetto, Rodrigo Rosset e Caito Vianna, outro estreante na categoria, que partiu da terceira colocação no grid de largada e, durante a primeira metade da corrida, pouco conseguiu produzir, chegando à penúltima colocação.

 

Caito só se achou na prova após a relargada, quando conseguiu se recuperar, concluindo a prova na mesma posição em que largou. “Foi um resultado incrível para a minha primeira prova em Interlagos e na estreia da Stock Jr.”, vibrou o piloto.

A segunda etapa do Campeonato Paulista de Stock Jr. também ocorrerá em Interlagos, no dia 11 de abril.

 

Confira o resultado da primeira etapa

1º Luiz A. Alves (M – Campinas), 14 voltas em 28:47.657 – melhor volta 2:01.901

2º Beto Cavaleiro (M- São Paulo), a 0,871 – melhor volta 2:01.300

3º Caíto Viana (M – Campinas), a 19.256 – melhor volta 2:03.365

4º Felipe Benitez (M- São Paulo), a 32.595 – melhor volta 2:04.232

5º Eduardo Furlanetto (P- São Paulo), a 35,314 – melhor volta 2:01.665

6º Lamartine Pinote (P- Sertãozinho), a 45.792 – melhor volta 2:06.314

7º Juka Gandelim (M – Piracicaba), a 1:36.638 – melhor volta 2:03.742

8º Adriano Amaral (M- São Paulo), a 1 volta – melhor volta 2:02.956

9º Rodrigo Rosset (P – Campinas), a 2 voltas – melhor volta 2:02.232

10º Amorim Jr. (M – Campinas), a 5 voltas – melhor volta 2:03.109

 

A realização e organização do Campeonato Paulista de Stock Jr. é do ECPA Racing.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *