Stock: Marques e Maluhy trabalham em busca do equilíbrio dos carros

Equipes testaram durante dois dias em Interlagos. Etapa inaugural de 2007 será no próximo domingo.

Dois dias de treinos coletivos abriram no início desta semana (terça e quarta-feira, dias 17 e 18) a programação para a 1ª etapa da temporada 2007 da Copa Nextel Stock Car, no circuito de Interlagos, em São Paulo. Com 49 carros na pista no último dia de testes e muitas novidades, pilotos e chefes de equipe trabalharam em busca do equilíbrio dos carros, que com a troca dos pneus importados pelos nacionais, apresentaram grandes mudanças.

Na equipe Terra Racing, os pilotos Felipe Maluhy e Tarso Marques testaram à procura do acerto ideal para os seus carros. Na terça-feira, Maluhy ficou em 14º lugar no geral dos treinos. Tarso foi o 22º. Na quarta, mesmo com problemas no motor, Tarso conseguiu melhorar e foi o 16º no geral do dia. Maluhy terminou em 20º.

“A mudança dos pneus fez com que começássemos tudo de novo. O problema é que não temos pneus novos para testar durante as 30 voltas permitidas em cada sessão. Se fossemos usar pneus novos nas 120 voltas que tivemos nesses dois dias, chegaríamos ao fim de semana sem pneu para a prova. Então, temos de economizar e não conseguimos melhorar muito o equilíbrio do carro”, comentou Maluhy, quarto colocado na temporada 2006 e pole position na última corrida do ano, realizada justamente em São Paulo.

Comparando o tempo da pole do piloto naquela ocasião (1:38.180) com o melhor tempo nos dois dias de treinos, a volta no traçado paulista piorou três segundos (Ingo Hoffman virou em 1:41.204 na terça-feira). O fato mostra a diferença de velocidade causada com a mudança dos pneus. “Os pneus não dão aderência para o peso e a velocidade desse carro”, continuou o piloto paulista, que diante disso não faz previsões para a primeira corrida do ano. “Não dá para saber o que esperar”, completou.

Além da adaptação aos novos pneus, o companheiro Tarso Marques enfrentou ainda problemas com sua velocidade em reta. “Evoluímos do primeiro para o segundo dia de testes, mas ainda não encontramos um bom equilíbrio. Com relação aos pneus, acho que essa diferença já era esperada, sabíamos que seria algo trabalhoso. E o balanço do carro uma hora ou outra você encontra. Mas meu maior problema tem sido velocidade na reta. Já trocamos o motor, mas ainda não sabemos o que está acontecendo”, destacou o paranaense, que interrompeu sua participação no treino da tarde, com problemas no motor. Mesmo assim, foi o oitavo na última sessão.

Durante os treinos, Tarso e Maluhy também testaram o dispositivo “push-to-pass” (nitro), introduzido para melhorar as ultrapassagens e capaz de aumentar momentaneamente em 35 cavalos a potência do motor, que atinge 500 HP. “Já deu para sentir a diferença. Vamos ver na corrida”, disse Maluhy.

Os treinos livres de sexta-feira (dia 20) terão início a partir das 10h30. No domingo (22), a prova terá sua largada às 11 horas, com transmissão ao vivo pela Rede Globo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *