Stock: No Rio, Losacco volta aos tempos de instrutor

Bicampeão ajudou o amigo Tato Kirschner, estreante no Mini Challenge.

Bicampeão da Stock Car em 2004 e 2005, Giuliano Losacco voltou no tempo nesta quinta-feira no Autódromo Internacional Nelson Piquet, que recebe no fim de semana a quarta etapa da temporada. O piloto da Equipe Flash Power aproveitou o último dia sem atividades de pista para dar uma forcinha ao amigo Tato Kirschner e ajudá-lo a “pegar a mão” do traçado de 3.336 metros antes de sua estreia no Mini Challenge. Os dois se conhecem da época em que Losacco era instrutor de pilotagem em Interlagos. “É muito legal poder dar umas dicas para o Tato. Só espero que sejam úteis e ele possa aproveitá-las na pista”, explicou.
Tato Kirschner correu com Giuliano Losacco no Paulista de Protótipos em 2003 e retoma no Rio de Janeiro o contato com o automobilismo competitivo. “Não tem coisa melhor do que contar com o apoio de um cara experiente como o Losacco”, disse o paulista de 28 anos, que hoje participou dos treinos extras do Mini Challenge. Antes de vestir o macacão e sentar no carro, Kirschner conheceu o circuito ao lado de Giuliano Losacco para se familiarizar com trechos importantes. “No final do retão, onde tem a emenda das pistas, é um local complicado, preciso ter atenção”, garantiu o estreante. “A gente andou um pouco, conversamos sobre a melhor forma de fazer a tomada das curvas, como atacar a zebra… É importante tirar as dúvidas antes”, contou Losacco.
Amanhã, entre 11h10 e 12h45, Losacco começa a acertar seu carro no primeiro treino livre da Stock Car. O segundo começa às 15h25, também com duração de 40 minutos e limite de 18 voltas para cada grupo de 17 pilotos. Vencedor da etapa carioca de 2005, Losacco está ansioso para acelerar. “A pista está boa, o pessoal ainda está dando o retoque final, mas já deu para perceber que o espetáculo aqui será bonito. No primeiro treino vamos começar a trabalhar no acerto para chegar ao treino de classificação no sábado com o carro bem equilibrado. Só assim poderemos conseguir uma posição boa no grid. Largar no pelotão da frente é fundamental na Stock Car.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *