Stock: Pachenki volta ao palco de sua melhor atuação na categoria

Com reforço na equipe PowerTech, paranaense aposta na conquista de pontos na sétima etapa da temporada, neste sábado em Curitiba.

Diogo Pachenki vive a expectativa de se aproximar do objetivo de garantir à equipe PowerTech resultados suficientes para permanecer, em 2008, no grid da Copa Nextel Stock Car V8. O paranaense manifesta plena confiança na conquista de pontos expressivos na sétima etapa da atual temporada, neste sábado (8) no Autódromo Internacional de Curitiba. A corrida terá sua largada às 10h15 e será transmitida ao vivo para todo o país pela Rede Globo.

O anel externo da pista paranaense, traçado definido para os treinos e a corrida, traz boas lembranças a Pachenki. “Foi neste anel externo que eu fiz minha melhor corrida na Stock Car”, aponta, citando a primeira etapa de 2004, ainda pela classe Light. Largando em último num fim de semana marcado por problemas, ele ganhou nove posições na primeira volta, assumiu a liderança a 10 voltas do final, venceu e abriu a campanha que o levou ao título.

Mas nem só as recordações trazem otimismo a Pachenki. Um dos fatores que aumentam a expectativa da equipe PowerTech é a chegada do engenheiro Zé Maria. “É um profissional muito respeitado na categoria. Ele vai cuidar do acerto dos carros. Além da vinda dele, as coisas estão indo bem. Desde a última corrida, nós trabalhamos muito, contratamos profissionais, a equipe está num nível muito bom. Achamos um bom ponto de equilíbrio das coisas”, manifesta.

Pachenki reestreou na Stock Car V8 na corrida de 19 de agosto em Santa Cruz do Sul. Largou em 34º e terminou em 17º. “Tudo indica que chegou a hora de colhermos os frutos do trabalho. Patrocinadores estão chegando, a organização e o funcionamento melhoraram muito, os dois carros vão estar competitivos”, aposta, confiando na classificação do companheiro Hybernon Cysne para a prova – o cearense não conseguiu vaga em nenhum grid em 2007.

Os cálculos do piloto indicam que são necessários 20 pontos nas cinco últimas corridas do ano para que a PowerTech esteja entre as equipes com vagas no grid da Stock Car V8 no campeonato do ano que vem. “É bom termos cautela, não abusar do otimismo, mas acho muito provável que esses pontos venham para a equipe antes do campeonato terminar”, confia o paranaense, que tem no Astra número 40 as logomarcas de PowerTech, Newland e Mannus.
 
Foto: Vanderley Soares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *