Stock: Projetista do 1º carro de Schumacher na F-1, Gary Anderson elogia Stock Car

Gary Anderson visitou hoje sede da equipe Petrobras-Action Power em Curitiba, onde se reuniu também com os pilotos Luciano Burti e Thiago Marques.



Ressaltar as qualidades da Stock Car, ainda mais em um ano marcado pelo grande crescimento da categoria e por sua extrema competitividade, já virou rotina entre profissionais do automobilismo nacional. Mas o elogio ganha mais peso quando parte de um profissional com mais de duas décadas de experiência na Fórmula-1, caso de Gary Anderson, que neste final de semana de corrida decisiva de título trabalhará como consultor na equipe Petrobras-Action Power.


 


O experiente projetista, que concebeu modelos como o Jordan de 1991, o primeiro de Michael Schumacher na categoria, esteve hoje em Curitiba, iniciando seus trabalhos com a equipe comandada por Paulo de Tarso. O britânico visitou as instalações do time, reuniu-se com os engenheiros do staff técnico da equipe, conversou com os pilotos Luciano Burti e Thiago Marques e iniciou sua análise e consultoria visando à etapa de Interlagos e principal à temporada de 2007.


 


“Posso dizer que minhas primeiras impressões sobre a Stock Car são muito boas. É um campeonato bem conceituado e fiquei satisfeito com o que vi hoje aqui na oficina em Curitiba. A estrutura da equipe mostra que é preciso muito trabalho e esforço para ser competitivo na categoria”, diz Gary Anderson.


 


O britânico afirmou que acompanha com interesse o campeonato brasileiro desde o final do ano passado, quando começaram as primeiras conversas com Burti para iniciar um trabalho em conjunto com a equipe em 2006. “Gostaria de ter vindo antes, mas infelizmente as agendas só bateram nesta etapa final do ano”, comentou Anderson, que atualmente acompanha a F-1 como comentarista da TV irlandesa e como consultor-técnico da revista Autosport.


 


A chegada de Anderson será um fator de motivação para os pilotos da Petrobras-Action Power, como revela Thiago Marques (Petrobras-Cimed-Prevyne-Alpina). “Será muito interessante ver a análise técnica dele neste final de semana e nos dois dias de testes de pré-temporada. Amanhã estaremos em Interlagos discutindo o acerto do carro e possíveis ajustes que podem melhorar nossa performance”, comentou Marques.


 


O paranaense teve ótimo desempenho no circuito paulistano neste ano nos treinos de pré-temporada, em abril, mas nas duas corridas realizadas em Interlagos não colheu bons resultados –na primeira, inclusive, protagonizou um grave acidente ao ficar sem freio no final da reta dos boxes.


 


“Começamos o ano com uma boa performance em São Paulo, tanto que fui o segundo mais rápido no primeiro treino da pré-temporada e fiquei em terceiro no dia seguinte”, relembra o paranaense. “Infelizmente nas duas etapas de Interlagos este desempenho não se repetiu, mas estou confiante de que voltaremos a andar na frente nesta corrida final”, completa.


 


A expectativa dos pilotos é que a prova seja bastante movimentada neste domingo, por conta da decisão de título da categoria, envolvendo cinco pilotos. Segundo Burti (Petrobras-Cimed-Pakalolo-Brasil Telecom), quem está fora da briga irá tomar um cuidado extra nesta etapa.


 


“Não acho que ninguém vai aliviar muito para um piloto que está disputando o título, mas é prudente tomar um cuidado extra com que faz parte deste grupo”, comenta o piloto, que esteve hoje em Curitiba acompanhando a visita de Gary Anderson na Petrobras-Action Power. “Este primeiro dia de trabalho dele foi bem produtivo. Sem dúvida a chegada do Gary traz benefícios não só para nós, mas também para toda a categoria, mostrando que há profissionais competentes do exterior de olho na Stock Car”, completa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *