Paulista de Marcas e Pilotos: Edgar Amaral e Marcio Gonzales conquistam o título da Super

Zigomar era o campeão até a bandeirada mas punição de 20 segundo lhe tira o título.



Como já era previsto, sairia faíscas no encerramento do Campeonato Paulista de Marcas e Pilotos. Apenas oito pontos separavam Zigomar Farias (Arias/ Triboil/ Lana Plasticos/ Sport Station) da dupla formada por Edgard Amaral/ Marcio Gonzales (Shock Metais/ Arias/ Master Food/ Ponto Alto). 

 

Edgar Amaral deu o primeiro passo para tomar a frente de Zigomar no treino de classificação, quando estabeleceu a pole e o rival foi apenas o quinto. O domingo amanheceu lindo, com sol e temperatura agradável. Todos ingredientes para a decisão do campeonato. Na largada da primeira prova do dia Edgar Amaral fez sua parte, vencendo a corrida, mas Zigomar foi o segundo colocado, a 1s352, em uma luta que durou toda prova.

 

A batalha foi tão intensa, que Edgar ainda registrou a melhor volta da corrida, com o tempo de 2m05s193. Mario Yokota (Arias Motorsport) completou o pódio, mas a distantes 8s182 da dupla. Na Classe Light, sem a presença do campeão antecipado Ricardo Kraft, a vitória sorriu para Cesare Marrucci (Arias Motorsport/ Marrucci), seguido pelo carro da dupla Guilherme/ Michele (Syl/ TV Cultura/ Pegasus) e Luiz Checchia (Fênix amortecedores/ Scala).

 

Carlos Vallone (Arias/ Hited Blind./ Planan/ Izzo), que tinha chances de conquistar o vice-campeonato na Light, teve problemas no seu carro e abandonou ainda na primeira volta. A decisão como era esperado, ficou para segunda prova do dia.

 

Marcio Gonzales, conhecido como Pica-Pau, passou a ter a responsabilidade de conter Zigomar, para poder ficar com o título. Assim que se apagaram as luzes vermelhas e os carros se lançaram em direção à curva do Esse do Senna, a dupla começou a “briga” pela consagração não somente da corrida, mas do trabalho de todo um ano. Pouco atrás como franco atirador aparecia Mario Yokota.

 

O carioca René Junqueira (Guichaco Competições/ Junqueira Assessoria Contabil) era o quarto, com Cesare Marrucci em quinto, e Luiz Checchia (Fênix amortecedores/ Scala) fechando os seis primeiros. No pelotão do fundo, Michele atravessou na freada do Esse do Senna, e por pouco não é colhida pelos que vinham atrás. Na terceira volta aconteceu o lance que decidiu a prova.

 

Zigomar saiu do vácuo de Marcio Gonzales na freada do Esse do Senna, e se colocou pelo lado de fora da curva, uma vez que levaria vantagem na segunda tomada da mesma. O inevitável acabou acontecendo, com os dois se tocando, e Marcio Gonzales espalhando para parte suja do lado interno da entrada da reta, e perdendo posições para Yokota. As voltas seguintes foram de intensa perseguição de Gonzales à Yokota, mas sem sucesso em efetuar a ultrapassagem.

 

No segundo pelotão a disputa também era muito acirrada, principalmente entre Helio Jardim e Michele de Jesus, única mulher na categoria. Marrucci liderava na Light com tranquilidade, e com isso garantia o vice-campeonato e o direito de ascender para classe Super em 2007.

 

No final vitória de Zigomar Faria, com Mario Yokota em segundo e Marcio Gonzales em terceiro. Zigomar porém não teve tempo de comemorar, já que no parque fechado ainda, foi chamado pelos comissários juntamente com Marcio Gonzales, para explicarem o incidente da terceira volta. No final os comissários entenderam como manobra antidesportiva a ultrapassagem de Zigomar, e o puniram com 20 segundo de acréscimo no seu tempo total de prova, e com isso o piloto caiu para sexto lugar, e viu o título lhes escapar das mãos.

 

Cabe porém recurso ao piloto, e a Federação terá de julgar novamente o incidente. Neste momento o título da Super é da dupla Edgar Amaral/ Marcio Gonzales.

 

Resultado da 20 rodada:

1 Edgar Amaral/ Marcio Gonzales 25 voltas em 25m17s639
2 Zigomar Farias a 1s352
3 Mario Yokota a 8s182 
4 René Junqueira a 20s590
5 Cesare Marrucci (L) a 22s593
6 Guilherme/ Michele (L) a 46s444
7 Luiz Checchia (L) a 47s907
 

Melhor volta: Edgar Amaral em 2m05s193


(L) = classe Light

 

Resultado da 21 rodada:

1 Mario Yokota 25 voltas em 25m28s959
2 Marcio Gonzales/ Edgar Amaral a 3s068  
3 Cesare Marrucci (L) a 8s402
4 René Junqueira a 12s075
5 Maurício Gallian a 13s787
6 Zigomar Farias a 19s067
7 Marcos Donadio a 1m02s605
8 Michele/ Guilherme (L) a 1m04s506
9 Helio Jardim (L) a 1m04s900
 

Melhor volta: Mario Yokota em 2m06s333


(L) = classe Light

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *