Stock: Quebra de um parafuso na alavanca de câmbio tira Landi da prova de Buenos Aires

Piloto da equipe Full Time Sports já estava próximo da zona de pontuação quando foi obrigado a abandonar.

“Não dá para explicar”. Dessa forma o paulista Daniel Landi (LoJack / Brazul / DGABC / Banco Peugeot / UCR Rolamentos / White Martins), da equipe Full Time Sports, desabafou após seu abandono na 9ª etapa da Copa Nextel Stock Car, realizada neste domingo (dia 14) no autódromo Oscar Alfredo Galvez, em Buenos Aires, na Argentina.

O piloto, que largou em 26º, já estava entre os 20 primeiros, quando foi obrigado a parar nos boxes, depois da quebra de um parafuso da alavanca de câmbio do seu carro na 11ª das 35 voltas disputadas.

O vencedor da prova foi o líder Cacá Bueno, da Eurofarma RC, que desta forma saiu na frente na disputa pelo título, restando agora três etapas para o final. Thiago Camilo, em segundo, e Popó Bueno, em terceiro, completaram o pódio na etapa argentina.

De acordo com Landi, seu carro não tinha um bom equilíbrio no início da prova. “O carro estava um pouco dianteiro e era difícil atacar os pilotos que estavam a minha frente”, explicou.

“Depois a alavanca de câmbio travou na segunda marcha e não tive como continuar. Soltei a alavanca e vim para os boxes, quando constatamos que o parafuso havia se quebrado”, contou. “Não dá para entender o que aconteceu. Não podemos dizer que foi por fadiga, porque nem usamos o equipamento nos treinos e ele estava todo revisado. Não tem explicação”, lamentou o piloto.

A próxima etapa da Copa Nextel Stock Car será realizada dia 28 deste mês, em Tarumã (RS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *