Stock: RC3 Bassani marca pontos em Curitiba

Antonio Jorge neto chegou entre os seis e David Muffato foi o responsável pela melhor volta.

A 9ª etapa da Copa Nextel Stock Car, disputada no circuito oval do Autódromo de Curitiba, no Paraná, teve vitória do paulista Ricardo Mauricio. A prova foi muito disputada e contou apenas com uma entrada de Safety Car, para o recolhimento do capo do carro do piloto Max Wilson. A equipe Itaipava Racing Team mostrou o ótimo carro que consegue ter neste tipo de circuito. Antonio Jorge Neto (Itaipava/Eurofarma/Pilão) largou em 12º e chegou em 6º e David Muffato (Itaipava/Pilão/Neve) largou em 21º, marcou a melhor volta da corrida, liderou por seis voltas e quando estava em 8º abandonou com a roda quebrada. Esta corrida marcou o fim do campeonato de equipes na temporada. O time ficou com a 9ª colocação e melhorou sua posição em relação a 2008, quando foi a 13ª colocada. Apesar de faltarem três corridas para o fim da competição, o campeonato de equipes já foi decidido nesta etapa. Eduardo Bassani, engenheiro da equipe, comenta o resultado. “Fizemos uma ótima corrida. O Neto tinha um carro muito rápido, mas infelizmente perdia um pouco de motor. Se estivéssemos com o mesmo rendimento do inicio dos treinos, poderíamos almejar um melhor resultado.

Já com o David, conseguimos mais uma vez realizar uma boa estratégia. Ele largou em 21º e quando começou as paradas obrigatórias ficou na pista virando muito rápido. Tão rápido que marcou a melhor volta da prova e assumiu a liderança por algumas voltas. Na volta do abastecimento, conseguimos ganhar cinco posições. Mas, faltando poucas voltas, a zebra do “S” acabou rasgando a roda, o obrigando a abandonar. O bom rendimento dos nossos carros mostra que temos uma boa receita. Fomos ao pódio em Brasília (com Neto em 2º) e marcamos a melhor volta aqu em Curitiba. A próxima etapa, em Brasília, estaremos fortes e com boas expectativas”, comentou o chefe de equipe.

 

Antonio Jorge Neto – Largou em 12º e chegou em 6º

 

“Tinha um carro muito bom aqui em Brasília. Uma pena o motor não ter o mesmo rendimento que começamos os treinos na sexta-feira. Mas fiquei contente com o resultado. Se tivéssemos largado mais a frente, até um pódio poderíamos ter buscado. Agora vamos para Brasília onde conquistamos um pódio. A expectativa é a melhor possível. Vamos andar forte nestas três corridas que restam”.

 

David Muffato – Largou em 21º, marcou a melhor volta e abandonou com problemas na roda

 

“Na largada consegui me encaixar bem antes do “S” e ganhar algumas posições. Meu carro estava muito rápido. Decidimos ficar na pista o máximo possível e a estratégia foi acertada. Conseguimos ganhar muitas posições. Quando estava em 8º e fui ultrapassar o Giuliano Losacco, ele dificultou muito e acabou me colocando para fora da pista. Joguei limpo e acabei levando a pior. Depois disso tive que abandonar com a roda rasgada. A melhor volta da corrida mostrou que o carro é muito bom. Seria uma grande resultado, já que estava à frente do Neto quando tive problemas. Estaríamos os dois entre os sete primeiros”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *