Stock: Sorocabano Átila Abreu estréia confiante em Brasília

Piloto mais jovem da categoria anda pela primeira vez no anel externo da capital federal.

A primeira temporada completa do sorocabano Átila Abreu (Joy Kidswear/OTG/Colonial Rodas) na Copa Nextel Stock Car promete ser cheia de novidades e desafios. Após um excelente 6º lugar na corrida de abertura da principal categoria do esporte a motor nacional, o piloto de 20 anos de idade se prepara para encarar pela primeira vez na carreira o anel externo do Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF). “Apesar de eu nunca ter corrido aqui, vai ser bem legal. É uma pista diferente pra mim, mas meu engenheiro e mecânicos a conhecem muito bem”, garante o competidor mais jovem do campeonato. A corrida acontece no domingo (04/05), a partir das 11 horas, com transmissão ao vivo da TV Globo para todo o Brasil.

O que traz mais confiança a Átila Abreu para o fim de semana é o conhecimento técnico e o bom desempenho alcançado pela equipe JF Racing na pista da capital federal na temporada de 2007. “A equipe foi muito bem aqui. Os engenheiros têm um acerto bem desenvolvido, tanto que o time conseguiu a pole position e brigou pela vitória no ano passado” lembra. O otimismo do novato pode ser percebido quando ele fala sobre suas expectativas para a corrida. “Meu objetivo é chegar ao pódio. Sei que é possível e espero ter um carro em condições de chegar lá na frente”, conta.

Apesar de não ter qualquer experiência na pista brasiliense, o piloto de Sorocaba não se mostra muito aflito com isso. “De tudo o que pode acontecer no fim de semana, esse é o fator que menos me preocupa. Tenho total confiança na capacidade do time”, afirma o representante da Joy Kidswear/OTG/Colonial Rodas, lembrando que o mais preocupante é a proximidade dos tempos e competitiva da prova.

Para Átila, encarar o anel externo de Brasília não será tão desafiante como seria num oval norte-americano. “É diferente, porque são quatro curvas que existem no traçado misto, não são inclinadas, nem nada. É claro que ele tem suas manhas, mas vou pegar dicas com o Jorginho Freitas (chefe de equipe) e tenho certeza que vou superar as dificuldades”, finaliza o ‘Meninão da Stock Car’.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *