TC 1600: Rafael Vasconcellos, dupla de Moroni, vence segunda bateria da primeira etapa

O piloto Rafael Vasconcellos, que faz dupla com Rafael Moroni na TC 1600 GNV, venceu a segunda bateria da etapa de abertura da categoria, a bordo do Corsa número 98, realizada no domingo, dia 12 de março, no Autódromo Internacional de Tarumã, na cidade de Viamão (RS). A corrida teve um pouco mais de emoção, ao contrário da primeira bateria. Completaram o pódio os pilotos Daniel Seolino (Corsa 02), Fabiano Cardoso (Corsa 70), o campeão da temporada anterior Vitor Genz (Fiesta 01) e Guilherme Mariath Filho (Fiesta 09).

 


A emoção da corrida aconteceu logo na largada. Após dado o sinal verde, os pilotos Pierre Ventura (Fiesta 10) e Leandro Galdino (Corsa 51) batem forte na reta, antes de contornarem a curva um. Devido ao acidente, a corrida teve de ser interrompida. Dez minutos depois, foi feita uma nova largada. Com isso, dos 16 carros que largariam, apenas 14 disputaram a prova.


 


Rafael Vasconcellos, que largou na pole devido ao resultado de seu companheiro na primeira bateria, manteve a liderança. Enquanto isso, Dalmo Carneiro (Uno 38) caiu da segunda colocação para a décima. Na segunda volta, o piloto do Uno começou a fazer uma bela prova de recuperação. Entretanto, na nona volta, apresentou problemas.


 


Na quinta volta, Fabiano Kratina (Corsa 17) rodou na Curva Um, perdendo várias posições. O piloto também fez uma bela recuperação, terminando a corrida na sétima posição.


 


A partir da metade da prova, após a bandeira amarela programada, começou a emoção. As disputas pelas 1ª, 4ª e 6ª colocações estavam acirradas. Na briga pela primeira colocação, Vasconcellos recebeu advertência na 11ª volta, após não manter a linha contra seu adversário, Fabiano Cardoso. Entretanto, as posições se mantiveram até o final.


 


Confira o resultado da segunda bateria da etapa de abertura da TC 1600 GNV, realizada em Tarumã (RS):


1)                  Rafael Vasconcellos (Corsa 98), 16 voltas;


2)                  Daniel Seolino (Corsa 02), a 3s918;


3)                  Fabiano Cardoso (Corsa 70), a 16s312;


4)                  Vitor Genz (Fiesta 01), a 31s871;


5)                  Guilherme Mariath Filho (Fiesta 09), a 39s871;


6)                  Carlos Britto (Uno 71), a 1min06s023;


7)                  Fabiano Kratina (Corsa 17), a 1min07s582;


8)                  Jéferson Puhl (Corsa 11), a 1min11s867;


9)                  Gustavo Tortelli (Uno 52), a 1min24s750;


10)               Oscar Donati (Uno 43),  a 1 volta;


11)               Ricardo Boessio (Corsa 77), a 2 voltas;


12)               Dalmo Carneiro (Uno 38), a 7 voltas;


13)               José Laenio Junior (Corsa 13), a 13 voltas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *