Toyota Racing Series: Piquet termina em sétimo e primos Baptista abandonam

A segunda etapa será às 20 horas (Brasília) deste sábado.

O austríaco Ferdinand Habsburg confirmou o favoritismo inicial e venceu na madrugada deste sábado (16/1) a primeira etapa da rodada tripla do Toyota Racing Series, disputada em Christchurch, no sul da Nova Zelândia. Os brasileiros não tiveram tanta sorte. Pedro Piquet ainda terminou em sétimo, enquanto Bruno Baptista abandonou na penúltima volta quando ocupava o 14º posto e seu primo Rodrigo Baptista (HTPro Nutrition) sequer largou.

“Foi uma pena. Quando sai para a volta de alinhamento notei que a temperatura da água subiu rápido demais. No Box verificaram que o radiador tinha furado e não tinha tempo hábil para fazer a troca”, lamentou Rodrigo, que será obrigado a largar da 19ª e última posição na segunda etapa.

A Toyota Racing Series utiliza monopostos com chassi do Fórmula 3 italiano Tatuus, com motor Toyota de 1.800 cc, produzindo 215 hp de potência, câmbio sequencial de seis marchas e pneus Michelin. Os motores e sistemas de gerenciamento de computador são selados, e os 19 pilotos estão divididos em apenas quatro equipes, o que provoca um equilíbrio e competitividade muito grandes. 

Cronograma do final de semana (horário de Brasília):

Sábado (16/1)

20h00 – Corrida 2 – 15 voltas

24h00 – Corrida 3 – 20 voltas

Confira o resultado da primeira etapa:

1) Ferdinand Habsburg (Áustria), 15 voltas em 20min48s146;

2) Artem Markelov (Rússia), a 1s674;

3) Lando Norris (Inglaterra), a 1s980;

4) James Munro (Nova Zelândia), a 5s342;

5) Guanyu Zhou (China), a 6s723;

6) Brendon Leitch (Nova Zelândia), a 10s180;

7) Pedro Piquet (Brasil), a 11s564; 

8) Jehan Daruvala (Índia), a 13s092;

9) Taylor Cockerton (Nova Zelândia), a 13s701;

10) Timothe Buret (França), a 17s742;

11) William Owen (EUA), a 18s186;

12) Nicolas Dapero (Argentina), a 18s882; 

13) Antoni Ptak (Polônia), a 20s502;

14) Devlin DeFrancesco (Canadá), a 20s855;

15) Julian Hanses (Alemanha), a 21s527; 

16) Theo Bean (EUA), a 30s858; 

17) Bruno Baptista (Brasil), a 2 voltas;

18) Kami Laliberté (Canadá), a 13 voltas;

19) Rodrigo Baptista (Brasil), não largou. 

Acompanhe os tempos pelo website : http://www.race-monitor.com

Acompanhe a Toyota Racing Series pelo website: http://www.toyota.co.nz/racing/toyota-racing-series

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *