Trofeo Maserati: Urnhani e Queirolo vencem baterias da 2ª etapa

Os pilotos César Urnhani (equipe Blausiegel) e Pedro Queirolo (Itaipava/MultiSolution/HT Guerra) venceram, neste domingo, respectivamente a 1ª e a 2ª bateria da 2ª etapa do Campeonato Itaipava Trofeo Maserati, no Autódromo Municipal José Carlos Pace, Interlagos.

A história desta etapa, no entanto, poderia ter sido outra. Na 1ª bateria, o pole position e então líder da categoria, Rafael Derani, dominou quase toda a corrida, com larga vantagem sobre o 2º colocado, ora Renato Cattalini ora César Urnhani, com mais de 10 segundos. No entanto, como diz o jargão do automobilismo, só se ganha depois de cruzar a linha de chegada, Rafael Derani teve um pneu furado a 1 volta e meia do final da bateria.


 


Com problemas de Renato Cattalini e de Fábio Greco, o caminho estava aberto ao piloto César Urnhani, seguido de André Posses (Pires do Rio/MultiSolution/Manelão Competições), Pedro Queirolo (Itaipava/MultiSolution/HT Guerra), Maurizio Billi (Greco) e Henrique Assunção (RJ Racing/Metalthaga). O piloto Billi, aliás, fez uma corrida espetacular. Como não pôde participar do qualifying, ele largou em último. E simplesmente conseguiu superar 15 pilotos, em apenas 16 voltas da bateria.


 


O momento de emoção da 1ª bateria ficou por conta das ultrapassagens de Renato Cattalini e César Urnhani, logo na 1ª volta, no final da reta oposta e início da curva do lago, sobre Fábio Greco, que largara na 2ª posição. E também as ultrapassagens de Maurizio Billi sobre seus oponentes em quase todas as voltas de um total de 16.


 


Para a 2ª bateria, que ocorreu duas horas depois, houve trocas de pilotos. Marcelo Hahn substituiu César Urnhani no carro 20; Marcelo Skaf assumiu o lugar de Thiago Viana (88); Roberto Aranha deu lugar a Clemente Lunardi (12); Eduardo Sanches assumiu em lugar de Ricardo Ribeiro (99); Bruno Garfinkel cedeu seu lugar a Leonardo Vital (33); Carlos Burza foi substituído por Marçal Melo (82) e Fernando Poeta assumiu o volante do carro 19, em lugar de Duda Rosa.


 


O auge da 2ª bateria aconteceu na 5ª volta, quando André Posses tocou o carro de Marcelo Hahn, àquela altura, líder da corrida. Este acidente, “normal” na avaliação de Hahn, valeu a ultrapassagem de Pedro Queirolo, que não deixou escapar a vitória.


 


Após a 2ª etapa e quatro baterias cumpridas, a líder da competição passa a ser a dupla César Urnhani e Marcelo Hahn, com 65 pontos; Rafael Derani, que venceu de ponta a ponta a 1ª etapa, agora é o 2º colocado, com 51 pontos. Maurizio Billi aparece na 3ª posição, com 46 pontos; em 4º lugar a dupla Marcelo Skaf / Thiago Viana, com 42 pontos; em 5º  Cleber Faria  (41 pontos), dividindo o posto com Pedro Queirolo e a 6ª posição André Posses, com 40 pontos.


 


 


Classificação da 1ª bateria


 


1º         César Urnhani   28m47s674


2º         André Posses   a 2s111


3º         Pedro Queirolo   a 9s749


4º         Maurizio Billi   a 14s896


5º         Henrique Assunção  a 15s473


6º         Daniel Paludo  a 25s008


7º         Roberto Aranha  a 31s920


8º         Thiago Viana  a 32s018


9º         Duda Rosa   a 32s642


10º      Cleber Faria   a 41s063


11º      Bruno Garfinkel   a 50s684


12º      Marcello Sant’Anna     a 52s858


13º      Ricardo Ribeiro  a 1m10s457


14º      Carlos Burza    a 1m10s883


15º      Rafael Derani   a 2 voltas


16º      Renato Cattalini  a 1m29s819


17º      Fábio Greco   a 8 voltas


18º      Vanue Faria   a 7 voltas


19º      Sérgio Laganá  a 16 voltas


 


Classificação da 2ª bateria


 


1º         Pedro Queirolo    27m04s590


2º         André Posses    a 9s868


3º         Cleber Faria   a 16s030


4º         Marcelo Skaf    a 32s053


5º         Clemente Lunardi  a 40s661


6º         Daniel Paludo  a 41s374


7º         Valter Rossete   a 47s654


8º         Eduardo Sanches   a 50s451


9º         Leonardo Vital    a 50s452


10º      Sérgio Laganá    a 50s809


11º      Marcelo Sant’Anna   a 52s274


12º      Marçal Melo   a 52s447


13º      Vanue Faria  a 54s015


14º      Maurizio Billi    a 1 volta


15º      Renato Cattalini   a 2 voltas


16º      Rafael Derani   a 3 voltas


17º      Marcelo Hahn   a 10 voltas


18º      Fernando Poeta    a 7s674


19º      Henrique Assunção   a 13 voltas


 


Classificação do campeonato depois de 2 etapas (4 baterias)


 


1º         César Urnhani / Marcelo Hahn     65 pontos


2º         Rafael Derani      51


3º         Maurizio Billi        46


4º         Marcelo Skaf / Thiago Viana        42


5º         Cleber da Silva  Faria     41


6º         Pedro Queirolo     41


7º         André Posses          40


8º         Henrique Assunção         34


9º         Renato Cattalini      31


10º      Bruno Campos    21

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *