Truck: Cidadão Curitibano, Cirino completa em casa dez anos de seu primeiro título na Truck

Etapa paranaense marca o primeiro de seus quatro campeonatos; e ele já está em busca do quinto em 2011

Wellington Cirino está mais animado do que nunca para correr neste fim de semana. Além de estar na briga pelo título e de estar correndo no quintal de casa, o piloto comemora aqui em Curitiba dez anos de seu primeiro título na categoria, que, inclusive, conquistou justamente na etapa de Paranaense de 2001.

“Foi uma época muito boa, era o início dos motores eletrônicos. Nosso Mercedes-Benz era o primeiro deste tipo na Fórmula Truck. Hoje, a categoria está muito focada no refino do acerto, mas naquela época era mais aberta, e com esse nosso motor tínhamos ampla vantagem. Desenvolvemos muito ele naquele ano. Foi uma época que deixou saudades. Fiz minha primeira vitória, conquistei meu primeiro título e isso alavancou muito minha carreira”, lembrou com animação Cirino, que está em quarto no campeonato com 64 pontos.

Cirino também comentou com é pilotar dentro de casa, já que atualmente mora em Curitiba:

“É o segundo ano que estou correndo em casa aqui em Curitiba, cidade onde moro atualmente. Antigamente correr em casa era sempre em Cascavel. É bem diferente sair do autódromo e ir para casa, mas é sempre gostoso correr com os amigos vibrando na arquibancada, por isso vou ficar bem focado o fim de semana inteiro e disputar o título diretamente.”

Na vice-liderança do campeonato, Geraldo Piquet também se mostra esperançoso para a prova, pois além de estar com um caminhão que “voa” na reta curitibana, está a somente um pontinho do líder Felipe Giaffone.

“Vamos fazer o que víamos fazendo o ano inteiro: tentar buscar o pódio sempre. O Felipe é um concorrente direto, mas temos o Cirino e o Hisgué também com chances, além de mais alguns outros. Vou tentar ser rápido, largar na melhor colocação possível e fazer uma boa corrida”, disse Geraldo Piquet, o atual vice-líder do campeonato. “O Cirino está muito rápido e tenho que fazer algumas modificações no meu caminhão também, mas estamos bem. Estamos muito bem de reta, como sempre”, completou Piquet.

E nos primeiros treinos livres a Mercedes mostrou a força que tem. Wellington Cirino e Geraldo Piquet andaram muito bem nos treinos, inclusive liderando uma das sessões com o piloto da casa. No fim, Cirino teve a quarta melhor marca do dia e Piquet a 11ª.

“Estamos com um caminhão bastante competitivo aqui em Curitiba e esperamos recuperar nos pontos para poder chegar a Brasília com chances de título”, finalizou Cirino.

A sexta etapa da categoria será disputada neste domingo (6) em Curitiba às 13h e terá transmissão ao vivo e em HD pela Band. Amanhã, às 14h, o treino classificatório definirá as posições no grid.

Confira os tempos desta sexta-feira em Curitiba:

1º) 70 – Danilo Dirani (F, SP), 1:38.742, média de 134,71 Km/h
2º) 1 – Roberval Andrade (S, SP), 1:38.921
3º) 2 – Valmir Benavides (W, SP), 1:39.410
4º) 6 – Wellington Cirino (M, PR), 1:39.604
5º) 23 – Adalberto Jardim (W, SP), 1:39.794
6º) 4 – Felipe Giaffone (W, SP), 1:39.883
7º) 73 – Leandro Totti (M, PR), 1:39.950
8º) 9 – Renato Martins (W, SP), 1:40.160
9º) 88 – Beto Monteiro (I, PE), 1:40.432
10º) 45 – Leandro Reis (S, GO), 1:40.562
11º) 3 – Geraldo Piquet (M, DF), 1:40.845
12º) 7 – Debora Rodrigues (W, SP), 1:41.607
13º) 55 – Paulo Salustiano (I, SP), 1:41.802
14º) 14 – João Maistro (V, PR), 1:42.262
15º) 77 – André Marques (V, SP), 1:42.563
16º) 99 – Luiz Lopes (S, SP), 1:42.693
17º) 11 – Diumar Bueno (V, PR), 1:42.792
18º) 20 – Pedro Muffato (S, PR), 1:43.036
19º) 50 – Fred Marinelli (I, PR), 1:43.416
20º) 32 – Luiz Pucci (V, RA), 1:44.205
21º) 83 – Regis Boessio (M, SP), 2:01.568
22º) 71 – Cristina Rosito (F, RS), 2:03.170
23º) 100 – Vignaldo Fizio (M, SP), 9:55.990

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *