Truck: Diumar Bueno satisfeito com 9º lugar em Guaporé

Pela primeira vez no ano, o paranaense Diumar Bueno conseguiu terminar uma corrida no Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck. Na prova realizada no último domingo (11) em Guaporé (RS), ele foi o nono colocado, depois de ter caído para a última posição por ter excedido o limite de velocidade do radar. A vitória foi de Renato Martins, seguido por Pedro Muffato e Beto Monteiro.


Nos treinos livres, Bueno sempre esteve entre os dez melhores, sendo 4º colocado num deles. Mas na classificação, o piloto conseguiu apenas o 15º tempo e partiu para uma corrida de recuperação. Logo nas primeiras voltas, o paranaense dava mostras que podia brigar pelo pódio.

Quando já figurava entre os dez melhores da corrida, Bueno foi pego pelo radar, que limita a velocidade dos caminhões a 160 km/h na metade da reta. Por isso, o piloto foi punido e voltou à pista no final do pelotão. A partir daí, o objetivo passou a ser terminar a prova na zona de pontuação.

E foi o que ele conseguiu. Depois de herdar algumas posições em virtude de quebras e acidentes e ultrapassar outros oponentes, ele somou dois pontos. “Tendo em vista a punição, foi um ótimo resultado. E volto a frisar que temos um caminhão em condições de brigar por vitórias. É só a sorte ficar do nosso lado um pouco mais”, ressalta.

De acordo com ele, se não tivesse queimado o radar poderia ter somado ainda mais pontos. Agora, Bueno está confiante para a próxima etapa, que acontecerá em Campo Grande (MS), no dia 16 de julho. “Consegui terminar a primeira prova no ano. Agora, já posso sonhar um pouco mais alto. Vamos tentar fazer um treino antes dessa prova para melhorar o desempenho do motor”, diz. 

No histórico da temporada, o paranaense abandonou as duas primeiras etapas, em Caruaru (PE), quando era 3º colocado, e em Fortaleza (CE), quando ocupava a 4º posição. Na etapa seguinte, em Interlagos (SP), ele nem largou por causa de um acidente no warm up.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *