Truck: Domínio paulista em Cascavel

Os pilotos do Paraná não conseguiram superar os de São Paulo na sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, realizada no último domingo (17) em Cascavel (PR). Na vitória de Renato Martins (Volkswagen), os representantes de São Paulo ficaram com cinco, dos dez primeiros lugares.


O melhor paranaense foi Pedro Muffato (Scania), terceiro colocado na corrida mais equilibrada do ano. Wellington Cirino (Mercedes-Benz) e Diumar Bueno (Volvo) foram os outros dois representantes do Paraná que pontuaram em Cascavel, terminando a prova em nono e décimo, respectivamente.



Com a vitória – a terceira dele em Cascavel – Renato Martins assumiu a liderança do Campeonato, com 88 pontos. Em seguida vêm Muffato, Vinícius Ramires, Cirino e Roberval Andrade. Faltando três etapas para o término da temporada (Curitiba, Tarumã e Brasília), 30 pontos separam os cinco primeiros colocados, sendo que 81 ainda estarão em jogo.



Empolgado pelo resultado dos treinos de sexta-feira e sábado, quando chegou a ser o quarto piloto mais rápido, o curitibano Diumar Bueno lamentou a quebra do motor de seu Volvo FM12 no warm up realizado na manhã de domingo. “Estávamos abrindo a terceira volta quando o pistão derreteu”, lembra.



A partir desse momento, a equipe começou a travar uma verdadeira batalha contra o relógio. “O motor teve que ser desmontado e montado novamente em duas horas e meia. Fomos para a corrida sem a condição ideal”, destaca. Depois de largar na décima posição, Bueno ultrapassou Débora Rodrigues e Beto Napolitano, ambos da Volkswagen, chegando ao oitavo lugar. Mas, devido a uma queima de radar, o paranaense teve que cumprir uma punição e perdeu várias posições.



Voltou para a pista tentando chegar à zona de pontuação e atingiu o objetivo finalizando a prova na décima colocação. “Dos males, o menor. Pelo menos conseguimos terminar a nossa segunda corrida no ano. Sanamos alguns problemas no equipamento e agora precisamos trabalhar no desenvolvimento de um novo motor para estarmos ainda mais competitivos em Curitiba”, adianta.



A preparação para essa corrida, marcada para 8 de outubro, já começou antes da prova de Cascavel, quando Diumar treinou no circuito. “Já começamos a planejar essa etapa há muito tempo, pois Curitiba é nossa casa e há três anos não colhemos bons resultados nessa pista”, revela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *