Truck: Mais distante do título, Muffato promete vitória na decisão em Brasília

Quebra do cardã em Viamão impede paranaense de levar Scania à
zona de pontos e diminui suas chances na disputa pelo campeonato.


A quebra do cardã de seu caminhão no início da oitava e penúltima etapa, domingo (12) no autódromo de Tarumã, na cidade gaúcha de Viamão, reduziu as chances de Pedro Muffato na disputa pelo título do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck. O paranaense da Scania manteve-se a 23 pontos do líder Renato Martins, da Volkswagen, que também não pontuou. Faltando uma prova para o fim da temporada, os pilotos ainda têm 28 pontos em disputa.

“Falar em disputar o título, agora, ficou realmente muito difícil”, reconhece Pedro, que está em terceiro na classificação com 88 pontos. Renato tem 111 e o vice-líder Vinicius Ramires, da Mercedes-Benz, tem 100. “A chance de conquistar o campeonato ainda existe, mas é muito pequena. Isso não diminui a motivação da nossa equipe. Bem pelo contrário, estamos muito otimistas para a última etapa, vamos a Brasília para vencer a corrida”, avisa o paranaense.

A nona e última etapa da temporada Fórmula Truck será disputada no dia 10 de dezembro, no anel externo do Autódromo Internacional Nelson Piquet. É o traçado mais veloz do calendário da categoria. “Meu único compromisso na etapa de Brasília vai ser buscar a vitória”, avisa Muffato, que tem no Scania eletrônico número 20 as logomarcas dos patrocinadores Autotrac, FAG, Muffatão e Coopavel e dos parceiros Tuzzi, Fras-Le, Rodafuso e Hotéis Everest.

A maior preocupação manifestada por Muffato em Tarumã foi identificar a razão da quebra do cardã. “É algo que nos preocupa, porque já enfrentamos essa quebra. Inclusive, a equipe providenciou um reforço. Agora, temos que analisar a situação para saber se houve fadiga da peça ou se ela quebrou por excesso de trepidação, algo assim”, comenta o piloto. A vitória na corrida de Tarumã foi do paulista Djalma Fogaça, da Ford. Ele é oitavo no campeonato.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *