Truck: Roberval comemora volta ao pódio e diz que ‘resultado veio em bom momento’

Depois de largar em décimo e terminar em quarto, piloto paulista
planeja conquista da vitória na etapa final da temporada em Brasília.


Roberval Andrade comemorou o quarto lugar que conquistou na oitava e penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, disputada no último domingo (12) no circuito de Tarumã, na cidade gaúcha de Viamão. Vencedor da corrida no ano passado, o piloto da Scania largou em décimo e teve a cautela como arma para voltar ao pódio depois do abandono na etapa de Cascavel e do oitavo lugar em Curitiba.

“Eu precisava de um bom resultado, estamos em uma fase importante de negociações com os patrocinadores para o campeonato do ano que vem”, diz o paulista, campeão em 2002, que neste ano tem no caminhão eletrônico número 15 as cores de Consórcio Nacional Scania, Banco Panamericano, NSK, Rodafuso, Knorr-Bremse, Frum, KS e Guerra. “Larguei da quinta fila e fiz uma corrida para chegar. No fim, foi ótimo”, define.

O momento de maior surpresa para Roberval na corrida em Tarumã foi a relargada para a última volta, após o acidente com o paranaense João Maistro. “Imaginei que a corrida fosse terminar com bandeira amarela. Quando vi, estava valendo”, confessa. À bandeira verde, o piloto da Scania ultrapassou Vinicius Ramires, da Mercedes-Benz. “Ele está na disputa pelo campeonato, não forçou a defesa. Foi inteligente”, avalia.

O resultado da corrida em Tarumã, vencida por Djalma Fogaça, da Ford, eliminou a chance matemática de Roberval de buscar seu segundo título brasileiro na categoria. “Em Tarumã, meu caminhão esteve competitivo. Não tanto quanto a equipe esperava, mas muito bom. Para Brasília, vamos trabalhar ao máximo para deixá-lo ainda mais rápido e equilibrado. A vitória na última corrida passa a ser o nosso maior objetivo”, diz o piloto, que venceu na capital federal em 2005.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *