Truck: Monteiro é o mais rápido no primeiro treino

O pernambucano Beto Monteiro (Ford Racing Trucks/DF Motorsport ) foi o mais rápido no primeiro dia de treinos para a etapa de abertura do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, que será realizada domingo (19/3), no Autódromo Internacional de Caruaru, em Pernambuco, com transmissão ao vivo pela Rede bandeirantes de televisão, a partir das 13 horas (horário de Brasília). O campeão brasileiro de 2004 foi cronometrado em 1min51s819 (média de 102,97 km/h) com o seu Ford Cargo, quatro décimos de segundo mais rápido do que o atual campeão Wellington Cirino, com Mercedes-Benz.


“O treino foi muito bom, pois o caminhão entrou na pista já com um excelente desempenho. Nosso set-up básico está muito bom, mas temos como melhorar bastante”, comemorou o único piloto nordestino da categoria. “Amanhã (sábado) a pista deve ficar mais emborrachada e temos mais alguns ajustes a fazer. Dá para melhorar bastante a nossa performance”, acredita Beto Monteiro, que venceu a prova de Caruaru em 2004.

Mesmo sendo o segundo colocado no primeiro dia o paranaense Wellington Cirino, da equipe ABF/Mercedes-Benz, considerou a performance de seu caminhão excelente. Sua preocupação será ter um caminhão constante para a corrida.


Nos dois treinos livres de hoje (sexta-feira), ele foi o segundo colocado. O melhor tempo do dia ficou com Beto Monteiro, que está correndo em casa e com o apoio do torcedor pernambucano. Monteiro fez o tempo de 1m51s819, ficando 0s456 à frente de Cirino.


Para Cirino, piloto da equipe ABF/Mercedes-Benz, o tempos devem melhor nos treinos de amanhã.

“Todos os pilotos utilizaram os dois treinos de hoje (sexta-feira) para ajustar os caminhões. Nossa equipe procurou acertar suspensão. Nos treinos livres de amanhã, nos preocuparemos em acertar o motor. Mas meu objetivo é ter um caminhão constante para a corrida, que promete ser muito desgastante”, diz Cirino.




Outro que estava contente com o desempenho era o catarinense Luis Carlos Zappelini, estreante na Ford Racing Trucks/DF Motorsport, que estabeleceu a oitava marca do dia. “Puxa, nunca dei tantas voltas em treinos, sem o caminhão ter qualquer problema. O Fogaça está no caminho certo, a equipe é forte e o caminhão e motor são excelentes. As outras equipes vão ter que se preocupar conosco”, elogiou o vencedor da prova de Curitiba no ano passado. “O caminhão é muito rápido e eu não usei pneus em condições de classificação. Então, poderia ter baixado até um segundo em meu tempo, o que me deixaria entre os quatro mais rápidos. Amanhã eu vou pra frente e quero me classificar entre os dez primeiros”, planeja o caminhoneiro radicado no Rio Grande do Sul.

Mais animado estava o sorocabano Djalma Fogaça, chefe da equipe Ford Racing Trucks/DF Motorsport. “O resultado de hoje, apesar de não valer nada, foi excelente. Os caminhões são os mesmos que terminaram a temporada passada, só que com uma boa evolução de motor. O Beto (Monteiro) virou bem rápido para as condições e o (Luis Carlos) Zappelini ainda está se adaptando à equipe e conhecendo o equipamento. Amanhã (sábado) ele deve andar bem mais rápido. Foi tudo muito bom hoje”, ponderou o “Caipira Voador”, que andou pouco com o seu caminhão, para dar mais assistência aos seus dois pilotos. 
 


Os tempos do primeiro dia de treinos em Caruaru:



1º) Beto Monteiro (PE), Ford, 1m51s819


2º) Wellington Cirino (PR), Mercedes-Benz, 1m52s275


3º) Roberval Andrade (SP), Scania, 1m52s786


4º) Pedro Muffato (PR), Scania, 1m53s203


5º) Fabiano Brito (PR), Volvo, 1m53s388


6º) Leandro Totti (PR), Ford, 1m53s406


7º) Renato Martins (SP), Volkswagen, 1m54s065


8º) Luiz Carlos Zappelini (SC), Ford, 1m54s124
9º) Eduardo “Macarrão” Fraguas (SP), 1m54s478


10º) José Cangueiro (SP), Mercedes-Benz, 1m54s928


11º) Geraldo Piquet (DF), Mercedes-Benz, 1m54s951


12º) Vignaldo Fizio (SP), Mercedes-Benz, 1m55s180


13º) José Maria Reis (GO), Ford, 1m55s574


14º) Diumar Bueno (PR), Volvo, 1m55s783


15º) Beto Napolitano (SP), Volkswagen, 1m56s307


16º) Vinicius Ramires (SP), Mercedes-Benz, 1m56s366


17º) Djalma Fogaça (SP), Ford, 1m59s780


18º) Regis Boessio (RS), Iveco, 2m02s265


19º) João Maistro (PR), Scania, 1m2m02s420


20º) Débora Rodrigues (SP), Volkswagen, 2m08s528


21º) Clodoaldo Monteiro (SC), Scania, sem tempo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *