Truck: Pódio rende a Muffato homenagem no Senado Federal

Pedro Muffato homenageado por Acir Gurgacz no Senado

Piloto do Paraná recebe menção no Congresso por desempenho na sétima etapa da Fórmula Truck

 
O desempenho na sétima etapa do Campeonato Sul-Americano e Brasileiro de Fórmula Truck, disputada no último domingo (19) em Buenis Aires, rendeu a Pedro Muffato uma homenagem no Senado Federal. O piloto paranaense da equipe Muffatão recebeu uma menção do senador Acir Gurgacz, do PDT de Rondônia, pelo pódio conquistado na corrida – foi quinto colocado, depois de largar em 17º.

A seguir, a íntegra da homenagem prestada por Gurgacz no Senado ao piloto do Scania número 20:

“Senhor presidente, antes de entrar no assunto que me traz aqui hoje, quero fazer uma homenagem a uma personalidade do automobilismo brasileiro e um grande amigo. Faço homenagem ao piloto de Fórmula Truck Pedro Muffato, o Muffatão, que já foi vereador e prefeito de Cascavel, nos anos 60 e 70. Uma grande personalidade na política paranaense e hoje um grande exemplo de esportividade e energia.

Pedro Muffato nasceu em 1940 e hoje continua firme e forte no automobilismo.
No fim de semana, em Buenos Aires, participou da sétima etapa do Campeonato Sul-Americano e Brasileiro de Fórmula Truck. Na competição ele se classificou no quinto lugar, depois de ter se classificado na DÉCIMA TERCEIRA POSIÇÃO nos treinos da sexta-feira, dia 17.

Muffato tem uma longa trajetória no automobilismo brasileiro, já campeão da divisão 4 em 1976, construiu seu próprio veículo para a Fórmula 2 em 1978, fez parcerias com escuderias argentinas nos anos 80 e mesmo depois de sofrer um acidente em 1996, não esmoreceu. No ano 2000 entrou na Fórmula Truck e até hoje vem sempre despontando.

Por isso faço aqui essa homenagem a esse grande brasileiro, grande personalidade no nosso esporte e um espetacular exemplo de vida, de garra e de coragem, aos 70 anos pilotando na Fórmula Truck e deixando marcas cada vez mais importantes no cenário do automobilismo brasileiro e internacional”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *