Truck: Tricampeão da categoria precisa aprender a andar de novo

Wellington Cirino, da equipe ABF/Mercedes-Benz, precisará aprender a andar de novo. Ele passou por uma avaliação médica no último sábado (dia 11/02), na Santa Casa de Londrina, quando os médicos lhe autorizaram a aposentar as muletas.


Daqui para frente Cirino passa a se locomover com o auxílio de uma bengala, entrando na fase decisiva da recuperação das oito fraturas no tornozelo esquerdo, uma na tíbia esquerda, uma na fíbula esquerda e uma na mão direita, sofridas no acidente que sofreu no primeiro treino livre para a etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, realizada em julho do ano passado, em Londrina.


Segundo Wellington Cirino, os médicos o liberaram a colocar todo o peso do corpo sobre a perna esquerda. Isto gera algumas dificuldades, porque com mais de seis meses sem caminhar normalmente, precisará a aprender a andar de novo.

“Estou me sentindo como uma criança quando dá os primeiros passos. Você se sente inseguro e com medo de cair. Até abril, vou andar com o auxílio de uma bengala, quando os médicos farão uma nova avaliação. Nos próximos dias, intensificaremos a fisioterapia para que possamos disputar a primeira etapa do campeonato deste ano, marcada para o dia 19 de março, em Caruaru, em boas condições físicas”, afirma Cirino.


 


Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *