Truck: Vinicius Ramires espera repetir corrida de recuperação na Fórmula Truck em Goiânia

Paulista da RRT2 foi um dos sete eliminados por excesso de fumaça e sai em 18º apostando em atuação similar à que o levou ao pódio em 2007.

O piloto paulista Vinicius Ramires encara a disputa da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck apostando em dois fatores: a durabilidade de seu caminhão Mercedes-Benz e o retrospecto na pista de Goiânia, palco da corrida deste domingo (6). Nono mais rápido nos treinos classificatórios deste sábado (5), ele foi um dos sete desclassificados da tomada de tempos por excesso de fumaça. Vai largar em 18º lugar.


“No treino, diante de algumas dificuldades que nós enfrentamos, até que eu vinha bem, a quinta fila não fugia tanto do que nós havíamos planejado. Nosso nível de competitividade ainda não atingiu o estágio ideal, e isso está projetado para acontecer da terceira etapa em diante”, comentou. “O problema da fumaça é que complicou as coisas. Agora, vamos contar mais uma vez com a durabilidade do caminhão para buscar uma recuperação”, resumiu.


A situação assemelha-se à que o piloto paulista viveu na corrida de 2007 em Goiânia. Naquela ocasião, também punido por excesso de fumaça, ele teve de largar em 19º lugar. “Fiz uma corrida de chegada, poupando o equipamento, e foi isso que valeu o pódio”, lembra, citando o quinto lugar que obteve naquela prova. O caminhão de Vinicius na Truck leva o número 80 e as logomarcas de Empresas Rodobens e Renov/Remanufatura Mercedes-Benz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *