World Series by Renault: Jules Bianchi e Sam Bird vencem em Silverstone

O francês Jules Bianchi (Tech 1) e o britânico Sam Bird (ISR) foram os vencedores da 6ª etapa da temporada, disputada em Silverstone, na Inglaterra.

Prova 1:

No sábado (25/08), Bianchi venceu a primeira prova da etapa. Os holandeses Robin Frijns (Fortec) e Nigel Melker (Lotus) completaram o pódio.

A prova foi marcada por um temporal que atingiu a pista pouco após o começo da prova. Com muita água, nada menos do que oito carros aquaplanaram, parando no mato, logo na segunda volta. Entre eles o brasileiro Yann Cunha (Pons), e o pole-position, o dinamarquês Kevin Magnussen (Carlin).

Com o safety-Car acionado, os pilotos puderam entrar nos boxes, para colocar pneus de chuva. Com a bandeira vermelhas sendo agitada, o britânico Will Stevens (Carlin) era o líder.

Stevens manteve a ponta na relargada, seguido de perto por Bianchi. Stevens acabou perdendo controle do carro, abandonando na 7ª volta.

Bianchi assumiu a ponta, vencendo com sete segundos de vantagem sobre Frijns. Estreando na categoria, Melker fechou o pódio. 

O britânico Nick Yelloly (Comtec) terminou em 4º, seguido pelo português Antonio Felix Da Costa ( Arden Caterham) e o colombiano Carlos Huertas (Fortec).  O brasileiro Lucas Foresti (DAMS) foi o 7º. Apenas dez pilotos completaram a prova.

Com problemas elétricos, o brasileiro Andre Negrão (Draco) abandonou na 8ª volta.

Final, prova 1:

1 – Jules Bianchi – Tech 1 – 20 voltas em 1h03m31s309
2 – Robin Frijns – Fortec – 7″542
3 – Nigel Melker – Lotus – 17″372
4 – Nick Yelloly – Comtec – 27″806
5 – Antonio Felix Da Costa – Arden Caterham – 37″119
6 – Carlos Huertas – Fortec – 49″121
7 – Lucas Foresti – Dams – 57″050
8 – Walter Grubmuller – P1 – 1’09″383
9 – Vittorio Ghirelli – Comtec – 1’21″149
10 – Daniel Zampieri – BVM Target – 1 volta

Volta mais rápida: Antonio Felix Da Costa 2m01s519

Abandonos:

Arthur Pic – Dams – 0 volta
Kevin Magnussen – Carlin – 1
Kevin Korjus – Tech 1 – 2
Anton Nebilitskiy – RFR – 2
Yann Cunha – Pons – 2
Nikolay Martsenko – BVM Target – 2
Marco Sorensen – Lotus – 2
Nico Muller – Draco – 2
Sam Bird – ISR – 2
Alexander Rossi – Arden Caterham – 2
Will Stevens – Carlin – 7
Zoel Amberg – Pons – 8
Andre Negrão – Draco – 8
Jake Rosenzweig – ISR – 10
Daniil Move – P1 – 12
Mikhail Aleshin – RFR – 18

Prova 2:

Neste domingo (26/08), Bird venceu a segunda prova. Felix Da Costa e Bianchi completaram o pódio. 

Com pista seca, ao contrário do temporal do dia seguinte, Bird vinha em segundo lugar, quando faltando duas voltas para o final, o então líder, o dinamarquês Marco Sorensen (Lotus), abandonou com o pneu esquerdo traseiro furado.

Bianchi (que alinhou na pole, mas caiu para 4º na largada), contou com a perda de rendimento de Frijns nos minutos finais, para garantir a última vaga no pódio.
O Frances Arthur Pic (DAMS), o norte-americano Alexander Rossi (Arden Caterham) e Stevens fecharam os seis primeiros. 

Negrão foi o 16º e Foresti o 18º. Cunha abandonou na volta inicial. 

Frijns lidera o campeonato com 131 pontos, cinco a mais do que Bird. Bianchi é o 3º com 125. Negrão, com 32, é o 13º, com Foresti em 22º com sete pontos. Cunha ainda não somou pontos. 

A próxima etapa acontece em Hungaroring, na Hungria, nos dias 15 e 16 de setembro.

Final, prova 2:

1 – Sam Bird – ISR – 27 voltas em 47m16s896
2 – Antonio Felix Da Costa – Arden Caterham – 1″159
3 – Jules Bianchi – Tech 1 – 1″688
4 – Arthur Pic – Dams – 33″243
5 – Alexander Rossi – Arden Caterham – 35″860
6 – Will Stevens – Carlin – 39″663
7 – Nico Muller – Draco – 43″514
8 – Nick Yelloly – Comtec – 48″083
9 – Robin Frijns – Fortec – 54″719
10 – Vittorio Ghirelli – Comtec – 58″774
11 – Carlos Huertas – Fortec – 58″929
12 – Nikolay Martsenko – BVM Target – 59″497
13 – Jake Rosenzweig – ISR – 1’01″640
14 – Daniil Move – P1 – 1’04″069
15 – Kevin Korjus – Tech 1 – 1’07″202
16 – Andre Negrão – Draco – 1’07″638
17 – Mikhail Aleshin – RFR – 1 volta
18 – Lucas Foresti – Dams – 1 volta

Volta mais rápida: Jules Bianchi 1m43s850

Abandonos:
   
Zoel Amberg – Pons – 0
Yann Cunha – Pons – 0
Kevin Magnussen – Carlin – 3
Walter Grubmuller – P1 – 6
Daniel Zampieri – BVM Target – 8
Nigel Melker – Lotus – 19
Marco Sorensen – Lotus – 25
Anton Nebilitskiy – RFR – NL

Campeonato:

1.Frijns 131 pontos; 2.Bird 126; 3.Bianchi 125; 4.Yelloly 92; 5.Sorensen 79; 6.Pic 76; 7.Muller 60; 8.Magnussen 58; 9.Korjus 49; 10.Rossi 47.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *