Rally dos Sertões: Riamburgo Ximenes entra no Ceará vencendo a nona etapa

Cearense do BMW X3 foi o mais rápido da penúltima especial do Sertões, entre Petrolina (PE) e Iguatu (CE). Edu Piano foi o mais veloz entre os caminhões, em nova vitória dos pesados sobre os leves

Resumo da 9ª etapa:
Petrolina (PE) – Iguatu (CE)
Deslocamento Inicial: 62 km
Trecho de Especial: 143 km
Deslocamento Final: 355 km
TOTAL: 560 km

A cidade de Iguatu, no Ceará, recebe pela primeira vez uma etapa do Rally dos Sertões, e preparou uma grande festa para recepcionar os competidores. O município foi o ponto de chegada da nona e penúltima etapa da competição, que teve 560 quilômetros saindo de Petrolina (PE) nesta segunda-feira (27). E o mais rápido do dia foi o cearense Riamburgo Ximenes, que tem o navegador potiguar Flávio França, a bordo do BMW X3 da equipe alemã X-Raid. O piloto cumpriu os 143 quilômetros da especial em 1h24min24s, com 1min17s de vantagem sobre o Mitsubishi Lancer de Guilherme Spinelli/Youssef Haddad, dupla que terminou em segundo lugar.

Stéphane Peterhansel e Jean-Paul Cottret, líderes do acumulado com o Mini All4 da X-Raid, terminaram em terceiro lugar, a 1min37s de Ximenes e França. Ainda assim, os franceses mantêm 24min03s de vantagem sobre Spinelli/Haddad, faltando apenas 103 quilômetros de especial entre Iguatu e Fortaleza, nesta terça-feira (28).

Riamburgo lamentou os problemas enfrentados em etapas anteriores, que o deixaram em desvantagem em relação aos líderes. “O que me distanciou foi a primeira parte da maratona, em que tive problemas na turbina, e que pioraram no dia seguinte. Então foi uma prova de sobrevivência”, observou o cearense. “Desde então estamos fazendo uma prova de recuperação. Peguei este carro sem ter feito sequer um treino nele, e é uma máquina rápida, que exige certa adaptação do piloto. Agora posso dizer que ‘visto’ este carro da metade do rali para cá e os resultados vieram. Fiz o segundo lugar nos últimos três dias e venci hoje, o que me deixa bastante feliz. Amanhã é repetir a dose”, afirmou.

Caminhões – Em um Sertões de bastante equilíbrio entre os caminhões, o dia foi de vitória para uma máquina da categoria Pesados, com o trio formado por Edu Piano/Solon Mendes/Carlos Sales, que terminaram os 143 quilômetros da especial em 1h44min49s com o Ford Cargo, pouco mais de sete minutos à frente do F4000 de Carlos Policarpo/Rômulo Seccomandi/Davi Fonseca. O Mercedes Atego de Guido Salvini/Flávio Bisi/Fernando Chwaigert ficou em terceiro (segundo pesado).

O resultado permitiu a Carlos Policarpo aumentar a sua vantagem no acumulado geral entre os caminhões, principalmente em sua categoria, a dos leves – nove horas para Amable Barrasa, o quarto da geral. Já Edu Piano diminuiu um pouco a desvantagem que o separa de Guido Salvini. A diferença agora é de 2h43min13s.

Piano, que perdeu a liderança ontem, na oitava etapa, mostrava-se bastante decepcionado, mesmo com a vitória de hoje. “Foi uma especial gostosa, rápida. Foi a mais fácil do rali até agora. Ontem perdemos a liderança – vínhamos liderando desde a quarta etapa – e tivemos uma quebra do cardan bem quando vínhamos aumentando a nossa vantagem. Nosso fornecedor pisou na bola nessa peça, que não estava tão bem preparada como pedimos. E perdemos a prova na etapa por causa disso. Amanhã é cumprir tabela, passear. Mas a equipe está bem, com o Policarpo liderando nos leves. Estava tudo engatilhado para ser primeiro lugar nas duas categorias, mas fica para o ano que vem”, disse.

Para Guido Salvini, a estratégia é conservadora, mas tensa. “Tenho que largar e chegar no tempo máximo, sem tomar nenhuma punição. Vamos trabalhar e prestar muita atenção para isso. O rali todo eu matei um leão por dia. Agora é hora de proteger o meu”, concluiu.

Nesta terça-feira (28), os competidores largam de Iguatu (CE), percorrem um trecho inicial de 184 quilômetros, 103 km de especial e mais 170 de deslocamento final, até a chegada no Centro de Eventos de Fortaleza.

Coletiva de Imprensa nesta terça-feira (28) em Fortaleza (CE)
A maior aventura brasileira chega ao seu final nesta terça-feira, 28, em Fortaleza. A capital cearense vai conhecer os campeões da edição histórica de 20 anos do Rally dos Sertões nas categorias caminhões, carros, motos, quadriciclos e UTVs. A disputa teve início no dia 18, em São Luís (MA), com o percurso total de 4.840 km.

A chegada acontece no Centro de Eventos do Ceará (Avenida Washington Soares, 999) e os campeões participarão da coletiva de imprensa oficial no local, a partir das 14 horas.

Resultado extra-oficial da nona etapa (CARROS):
1-) Riamburgo Ximenez/Flávio França (BMW X3 CC) – 1h24min24s
2-) Guilherme Spinelli/Youssef Haddad (Mitsubishi Lancer) – 1h25min20s
3-) Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret (Mini All4 X-Raid) – 1h25min47s
4-) Marcos Baumgart/Kleber Cincea (Mitsubishi L200 Triton Evo) – 1h28min48s
5-) João Antônio Franciosi/Rafael Capoani (Mitsubishi L200 Triton RS) – 1h30min50s

Geral acumulado entre os CARROS:
1-) Stéphane Peterhansel/Jean-Paul Cottret – 24h49min15s
2-) Guilherme Spinelli/Youssef Haddad – a 24min03s
3-) Riamburgo Ximenez/Flávio França – a 1h04min44s
4-) Fellipe Bibas/Emerson Cavassin – a 2h45min03s
5-) Marcos Moraes/Fábio Pedroso – a3h26min11s

Resultado extra-oficial da nona etapa (CAMINHÕES):
Pesados
1-) Edu Piano/Solon Mendes/Carlos Sales (Ford Cargo 4×4) – 1h44min49s
2-) Guido Salvini/Flávio Bisi/Fernando Chwaigert (Mercedes Atego) – 1h53min52s
Leves
1-) Carlos Policarpo/Rômulo Seccomandi/Davi Fonseca (Ford F4000) – 1h52min38s
2-) Fabio Freire/João Afro/João Victor Ribeiro (Ford F350) – 1h55min54s
3-) Amable Barrasa/Cesar Botas/Raphael Bettoni – 2h04min29s

Geral acumulado entre os CAMINHÕES:
Pesados
1-) Guido Salvini/Flavio Bisi/Fernando Chwaigert – 29h06min18s
2-) Edu Piano/Solon Mendes/Carlos Sales – 30h20min02s
Leves
1-) Carlos Policarpo/Rômulo Seccomandi/Davi Fonseca – 28h43min58s
2-) Rafael Martinez-Conde/José Papacena Neto/Leandro Oliveira – 29h09min59s

10ª etapa:
Iguatu (CE) – Fortaleza (CE):
Deslocamento Inicial: 184 km
Trecho de Especial: 103 km
Deslocamento Final: 170 km
TOTAL: 457 km

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *