WTCC: Farfus pode sair de Curitiba com três recordes

Brasileiro já tem o maior número de poles do Mundial de Turismo.

Não será fácil, mas o paranaense Augusto Farfus poderá sair de Curitiba, neste final de semana, como detentor de três dos quatro principais recordes do WTCC – Campeonato Mundial de Carros de Turismo da FIA. O piloto da equipe oficial da BMW-Alemanha já divide com o suíço Alain Menu (Chevrolet) o maior número de poles (6). Segundo colocado em vitórias (9) e voltas mais rápidas (11), o único brasileiro na categoria tem chance de passar à frente dos rivais que comandam essas estatísticas, já que poderá se beneficiar do formato de rodada dupla e descontar a diferença mínima em relação aos rivais.

Com apenas 25 anos, Farfus é um dos veteranos dos cinco de existência do WTCC, campeonato criado pela FIA em 2005. Depois do sucesso nas modalidades de base – foi campeão da Fórmula Renault européia em 2001 e da Euro Fórmula 3000 em 2003, Farfus se transferiu para as modalidades de turismo ao ver estreitarem as chances de alcançar a Fórmula 1. Acertou com a Alfa Romeo em 2004 e defendeu a fábrica italiana até o final de 2006, quando foi atraído para a BMW.

“É possível viver do automobilismo sem correr na Fórmula 1. Graças a Deus, tenho um bom contrato com a BMW que me permitiu trabalhar com o que gosto e até constituir família”, lembra Farfus, casado desde o início de 2008 e morador na maior parte do ano no Principado de Mônaco. Aos empregadores, Farfus tem retribuído a confiança com resultados: no WTCC, foram quatro vitórias pela Alfa-Romeo e cinco pela BMW.

Farfus, no entanto, está atrás de Jörg Müller e do inglês Andy Priaulx, que são os maiores ganhadores da série com 10 vitórias cada. Müller tem também uma volta mais rápida a mais que Farfus – 12 a 11. Ainda que possa ultrapassá-los em sua cidade natal, sabe que dificilmente superará Priaulx no número de voltas lideradas. O tricampeão lidera esse quesito com 149 voltas, contra 131 de Müller e 130 de Farfus.

Entre as montadoras, a BMW leva vantagem nas estatísticas de vitórias (35), nas voltas mais rápidas (38) e nas lideradas (482). Atual campeã de construtores e pilotos com o francês Yvan Muller, a espanhola SEAT domina apenas nas poles – 14 contra 13 da BMW.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *