11 anos sem Ayrton Senna

E lá se vão onze anos da morte de Ayrton Senna, e parece que foi ontem!Ainda me lembro bem do dia, estava em casa esperando a corrida, como faço á vinte anos, vídeo-cassete programado para gravar a prova.


A corrida começou com um clima de dor e apreensão, devido ao acidente de Barrichello na sexta e a morte de Ratzemberger no sábado. Ayrton era um dos pilotos mais abalados em San Marino, no sofá da minha casa o jornal com as fotos do acidente do austríaco. E veio o acidente da largada, a Lotus de Lamy bateu feio na Benetton de Lehto, que havia parado no grid. Os destroços do carro do português acertaram 4 espectadores. Corrida paralisada. Sai da frente da TV e fui tomar café.

Voltei para frente da TV assim que anunciaram o reinicio da prova, na 4º volta, Senna liderava, e de repente a Willians saiu reto na curva Tamburello no início da 6º volta. O carro bateu no muro retornando destroçado para a pista. Essas imagens nunca saíram da minha mente. Vieram os médicos e um silêncio profundo invadiu a sala da minha casa. um misto de apreensão e esperança de ver Senna sair do carro e acenar que estava tudo bem.

Mas não estava, quando o helicóptero decolou em direção ao hospital de Bologna, só restava rezar e esperar por noticias. A corrida continuou, assisti até o fim, calado. Á tarde a confirmação, Ayrton Senna tinha falecido. Tristeza profunda, principalmente para quem como eu, é apaixonado pelo esporte. Passei á tarde no meu quarto, relendo umas revistas antigas.

A semana foi diferente, com toda aquela demonstração de carinho do povo brasileiro pelo ídolo que Senna era para o país. Os finais de semana nunca mais seriam os mesmos. E não foram. Á memória de Senna estará sempre presente quando as luzes se apagarem para mais uma corrida de F-1, porque para nós o seu legado nunca morrerá.

E que a memória do homem honesto, esportista exemplar e principalmente apaixonado pelo Brasil permaneça eternamente em nossas memórias.



VIVA AYRTON SENNA DA SILVA!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *