ALMS: Incidente prejudica resultado de Christian Fittipaldi em Utah

O brasileiro Christian Fittipaldi largou na sétima posição no GP de Utah, realizado neste domingo (18), quarta etapa da American Le Mans Series em 2008, e logo nas primeiras voltas já estava entre os cinco primeiros no circuito em Salt Lake City, que fica no frio estado norte-americano de Utah.

Entretanto, após um bom início, na volta 14, o carro da equipe Highcroft rodou e Christian não teve o que fazer para impedir o choque. O brasileiro ainda levou o Acura ARX-01B da equipe Andretti Green para reparos no pit stop, porém, com a entrada do safety car, os boxes estavam fechados. Por isso, a equipe ainda teve de pagar 1 minuto e 30 segundos de penalidade por causa da infração. Quando Christian retornou a pista havia uma desvantagem de duas voltas em relação ao líder.  Ao final das 2 horas e 45 minutos de prova, o brasileiro e o norte-americano Bryan Herta cruzaram na sétima colocação na LMP2 e oitavo na geral.

“Eu estava tentando evitar o choque com o carro da equipe Highcrof, mas ele veio para dentro da curva muito rápido. Eu pensei que tinha passado por ele, mas depois ele começou a vir para trás e me acertou em cheio”, explicou Christian, que faz sua primeira temporada na AMLS e também pela AGR. “Depois, nós cometemos um erro de mexermos no carro enquanto o pit estava fechado, o que causou uma penalidade. No geral, o Acura estava bem competitivo, mas essas infelicidades nos impediram de progredir no resultado final”, emendou o paulista.

O GP de Utah teve uma dobradinha da equipe Penske, com dois Porsches RS Spyder, seguido pela estreante De Ferran Motorsports, que tem como piloto e proprietário o brasileiro Gil de Ferran, com um Acura ARX-01B.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *