ChampCar: Pizzonia lidera na Austrália, mas termina em 10º

Mesmo com problemas de freio, Antonio Pizzonia liderou oito voltas.

 


O francês Nelson Philippe (CTE Racing-HVM) venceu o GP de Surfers Paradise, penúltima etapa da temporada 2006 da Fórmula Mundial disputada domingo (22/10) na Austrália. Com a oitava posição, seu compatriota Sebastien Bourdais (Newman/Haas) atingiu 353 pontos e garantiu o tricampeonato da categoria. Entre os brasileiros, Bruno Junqueira (Newman/Haas) terminou em sexto e Antonio Pizzonia (Rocketsports) na décima posição, depois de ter liderado oito voltas no final da prova. ”Foi outra corrida difícil para nós. No entanto, fizemos o melhor que podíamos. No fim, tentamos jogar com a nossa estratégia de corrida, mas não alcançamos um bom resultado final com isso”, comentou o amazonense.


Largando da 13ª posição e enfrentando problema com os freios de seu Lola-Cosworth desde a partida, o manauara chegou a alcançar a quinta posição no meio da corrida. “Novamente sofremos com os freios. É algo parecido com o que aconteceu na tomada de tempos de sábado e no treino de aquecimento antes da corrida. Nós continuamos sem saber o que causa este problema e isto tornou a corrida muito dura para mim”, explicou o ex-piloto de Fórmula 1.


Mudando a estratégia de corrida, a Rocketsport Racing chegou a colocar o brasileiro da liderança da corrida da 44ª até a 51ª volta, mas uma bandeira amarela fez com que todos os carros ficassem próximos. Faltando oito voltas para o encerramento Pizzonia teve que fazer reabastecimento e retornou bastante atrasado, recebendo a bandeirada apenas em décimo, mas pontuando nas três provas que participou na Fórmula Mundial. “Eu aprendi bastante com todas as experiências por que passei e será uma boa bagagem para o meu futuro no esporte”, disse descontente com o resultado. Pizzonia ocupa a 18ª colocação no campeonato com 34 pontos. Junqueira está em sétimo com 196 pontos, enquanto Cristiano da Matta está em 14º, com 134 pontos.


A última etapa da Fórmula Mundial será dia 12 de novembro, na Cidade do México.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *