Com o Maserati MC12, Bernoldi disputa sua segunda temporada na GT1

Piloto curitibano correrá pela equipe pentacampeã Vitaphone Racing e terá o experiente português Miguel Ramos como parceiro.

O piloto brasileiro Enrique Bernoldi disputará a temporada 2010 do novo Campeonato Mundial de GT1 pela equipe alemã Bartels Motor & Sport, sob a bandeira da Vitaphone Racing. O curitibano, com passagens pela Fórmula 1, Fórmula Indy, Stock Car e Fórmula Superliga, guiará o Maserati MC12 ao lado do experiente português Miguel Ramos. Principal torneio de carros Gran Turismo do planeta, o Mundial de GT1 inicia sua temporada neste final de semana no circuito Yas Marina, em Abu Dhabi, pista que recebeu a Fórmula 1 no encerramento do último Mundial.
“Estamos muito felizes e orgulhosos por ter Enrique na família Vitaphone. Sem sombra de dúvidas, ele é um dos mais rápidos e experientes da categoria. Ele é um piloto bastante inteligente e que se encaixa perfeitamente no time ao lado do Miguel. Dois caras amigáveis, mas que na pista são competidores ferozes!”, elogiou o diretor e piloto da equipe, Michael Bartels.
Bernoldi disputou cinco etapas da classe GT1 do FIA GT a bordo de um Corvette Z06 em 2009, tendo conquistado duas pole positions, três pódios e uma vitória. “Melhor tê-lo ao nosso lado do que contra. Alguns dos nossos pilotos já o conhecem da temporada passada e acho que eles preferem lutar ao seu lado do que tê-lo como concorrente. Gostamos muito do pouco tempo que tivemos trabalhando lado a lado durante o shakedown e esperamos por bons momentos e bastante sucesso”, prosseguiu.
O piloto havia firmado um acordo no início do ano com a equipe suíça Matech Concept para guiar o Ford GT. No entanto, divergências entre os projetos da equipe e do piloto fizeram ambas as partes optarem por uma rescisão amigável do contrato. “Tínhamos objetivos diferentes, e em conversa com outras equipes a filosofia do Michael Bartels foi a que mais se encaixou comigo, além do fato de ser uma equipe que tem condições de disputar vitórias e títulos”, apontou o curitibano, que já está em Dubai para a disputa da primeira etapa da temporada, neste final de semana.
O Campeonato Mundial de GT1 inaugura uma nova era em 2010, já que o torneio ganha caráter de competição mundial e correrá em quatro continentes. São 12 equipes, em um total de 24 carros representando seis fábricas diferentes, verdadeiros ícones de marcas esportivas, como Ford, Aston Martin, Corvette, Lamborghini, Maserati e Nissan.
O Maserati MC12 conquistou o tricampeonato de pilotos e o penta entre as equipes no ano passado com o alemão Michael Bartels e o italiano Andrea Bertolini ao volante. A dupla conquistou duas vitórias e três segundos lugares na temporada 2009. O carro da marca italiana ainda venceu a corrida de encerramento do último campeonato, com dupla formada pelos italianos Matteo Bobbi e Alessandro Pier Guidi, além de ter marcado presença no pódio de todas as etapas do ano.
“Minha pré-temporada com o time se resumiu a apenas quatro voltas no shakedown feito na pista de Fiorano, mas o carro me parece muito bom. A equipe tem uma estrutura muito grande, eles venceram o campeonato nos últimos três anos entre os pilotos e os últimos cinco entre equipes. Além disso, tenho um companheiro muito experiente e temos tudo para começar bem a temporada e fazer um bom papel este ano”, disse Enrique.
Baseada na Alemanha, a Bartels Motor & Sport/Vitaphone Racing estreou no FIA GT em 2004 e conquistou o primeiro de seus cinco títulos seguidos de equipes a partir de 2005. “As expectativas são boas. O regulamento para este ano mudou um pouco, então só vamos saber das nossas reais condições após os primeiros treinos, com o carro na pista contra todos os outros”, completou o paranaense.
A etapa inaugural da temporada, em Abu Dhabi, assim como todas as outras do calendário, será composta por duas corridas no sábado, ambas com duração de uma hora. Na sexta-feira acontecem os treinos classificatórios que definem o grid da primeira corrida. No sábado, acontece a corrida de classificação, que pontua os três primeiros colocados com oito, seis e quatro pontos, respectivamente, e define o grid da segunda prova, na qual pontuam os dez primeiros colocados no mesmo sistema da Fórmula 1 (25, 18, 15, 12, 10, 8, 6, 4, 2 e 1 ponto).
Confira a programação da primeira etapa em Abu Dhabi (horário de Brasília):
SEXTA-FEIRA (16 de abril):
06h00 – 07h20: treino livre (80 minutos)
09h10 – 10h30: pré-classificação (80 minutos)
12h30 – 13h30: treino classificatório (60 minutos)
SÁBADO (17 de abril):
06h30 – 07h00: warm up
09h00 – 10h00: corrida de classificação (60 minutos)
12h30 – 13h30: corrida (60 minutos)
O calendário da temporada 2010 do Mundial de GT1:
17.abril: Abu Dhabi (Emirados Árabes)
02.maio: Silverstone (Inglaterra)
23.maio: Brno (República Checa)
04.julho: Paul Ricard (França)
01.agosto: Spa-Francorchamps (Bélgica)
29.agosto: Nurburgring (Alemanha)
19.setembro: Algarve (Portugal)
07.novembro: Durban (África do Sul)
28.novembro: Interlagos (Brasil)
05.dezembro: San Luís (Argentina)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *