Cross Country: ‘Campeonato Brasileiro está na UTI’, diz Palmeirinha

Ao lado do navegador Claudio Vallone, piloto foi o 4º colocado na prova que contou com apenas 18 carros.

O piloto Paulo Nobre, o Palmeirinha, juntamente com o navegador Claudio Vallone conquistou a 4ª colocação no Baja Serrazul, prova válida pela 4ª etapa do Campeonato Brasileiro de Rali Cross Country. A vitória ficou com a dupla Ingo Hoffman/Lourival Roldan em uma rodada marcada pelo baixo número de participantes, já que apenas 18 carros estavam inscritos. Esse número, que seria considerado bom nas demais categorias do automobilismo nacional, não chega nem perto da média de 50 carros que alinhavam a cada etapa do Campeonato Brasileiro alguns anos atrás.

Em 2006 o Rally dos Sertões deixou de ser uma prova válida pelo Campeonato Brasileiro, que ficou restrito a provas mais curtas, como a deste sábado, considerada “chata” por Palmeirinha. “Não estou participando de todas as provas do Campeonato Brasileiro de Rali Cross Country, mas estou preocupado com o grid de apenas 18 carros em uma prova chata como essa, onde a trilha era composta por vários ziguezagues dentro de um pasto, o que parecia mais uma gincana do que um rally. Apesar de bem organizado e com boa segurança, provas como essa não vão atrair mais competidores e não sei nem se vão manter os poucos persistentes que restam”, analisou.

Sobre o desempenho da dupla da equipe Palmeirinha Rally na competição, o piloto não ficou satisfeito com o reencontro que teve com a “Porquinha”, a Mitsubishi L200 Evolution utilizada nesta etapa, marcada pelo sacrifício de Claudio Vallone, que mesmo sofrendo com uma intoxicação alimentar que o levou a passar mal durante a especial conseguiu completar a prova. “A “Porquinha” não estava muito prazerosa de ser pilotada em uma fase de desenvolvimento de uma receita nova e ainda mais pelo intervalo de não ter corrido o Rally dos Sertões com ela. Estamos longe do ideal de carro que imagino. Tivemos alguns problemáticas naturais de desenvolvimento e o 4º lugar na geral até que foi satisfatório”, disse Palmeirinha.

Resultados da 4ª etapa do Brasileiro de Rally Cross Country em Itupeva:
1º Ingo Hoffmann/Lourival Roldan, 4h57min01s
2º Guilherme Spinelli/Marcelo Vivolo, 4h57min21s
3º Klever Kolberg/Eduardo Bampi, 4h57min56s
4º Paulo Nobre/Cláudio Vallone, 5h04min43s
5º Reinaldo Varella/Marcos Macedo, 5h06min42s

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *