Endurance: Longo/Serra vence os 500 km de Tarumã Dupla da Ferrari trava bela disputa como MRX de Mo

Dupla da Ferrari trava bela disputa como MRX de Moro e Castro até gaúchos serem punidos por um erro no pit stop.

A primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Endurance de 2010 terminou com a vitória da Ferrari F430 de Chico Longo e Daniel Serra. O atual campeão da categoria e o filho do ex-piloto de F-1 Chico Serra completaram as 166 voltas programadas em 3h24min17s919, ficando 49s313 à frente do protótipo MRX de Juliano Moro e Christian Castro.

Apesar da distância entre os dois primeiros colocados, o resultado não refletiu como foi a corrida: largando da nona fila, Moro e Castro assumiram a liderança na primeira meia hora de prova, e as duas duplas duelaram ferrenhamente nos primeiros 120 minutos. No entanto, a equipe dos gaúchos se confundiu na hora do abastecimento e recebeu uma punição de 20 segundos, o que influenciou diretamente no resultado final: nesta falha, Longo e Serra assumiram a liderança e não foram mais alcançados pelo MRX.

“Confundimos o regulamento do Gaúcho com o do Brasileiro”, lamentou Castro. “Não desligamos o motor e nos confundimos [no campeonato nacional, os pilotos são obrigados a desligar o motor no reabastecimento]. Mas isso serve para aprender. Não foi essencial para o resultado final, mas influenciou bastante”, disse. Já o parceiro Moro ressaltou outras dificuldades: “Foi a prova mais difícil de Endurance que fiz. Tivemos problemas com um carro muito pesado e, além disso, achamos que eles parariam nos boxes mais uma vez. Nos enganamos.”

Alheio aos problemas dos rivais, Serrinha celebrou o resultado: “Foi uma prova legal e difícil, pois estava muito quente”, disse Serrinha, destacando as altas temperaturas, que bateram na casa dos 30°C neste domingo. “Fizemos uma estratégia boa e conseguimos administrar o resultado até o final. Tivemos um carro bom, confiável e seguro. Foi ótimo!”

Entusiasta das provas de longa duração, Longo acredita que o Brasileiro de Endurance pode crescer mais nas próximas etapas: “O Endurance tem muito o que oferecer. Foi uma prova disputada do começo ao fim. Minha ideia é ajudar os novos e tentar trazer parceiros para proporcionar provas tão divertidas como esta. Temos campeonatos já estabelecidos no Brasil e a situação econômica atual está boa. Dá para fazer uma temporada legal.”

No geral, a terceira posição ficou com o protótipo Tubarão de Geciel de Andrade/Bruno Justo, seguido dos Spyder de Wagner Amorim e Guaracy Costa/Odilon Menezes, ambos competindo pelo Gaúcho de Endurance. Se levarmos em conta o torneio nacional, o Maserati de Carlos Steyer/Rogério Pretto/Paulo Poeta e o Volkswagen Gol de Geraldo e Algacir Sermann completaram o “top 5”.

A segunda etapa está marcada para o dia 13 de junho, com os 500 km de Londrina. O Campeonato Brasileiro de Endurance é organizado a partir desta temporada pela SRO Latin América e o calendário será composto de cinco corridas: além de Tarumã e Londrina, serão disputadas as 6h de Curitiba (1° de agosto), os 1.000 km do Mercosul, no Velopark (26 de setembro) e as Mil Milhas Brasileiras (21 de novembro).

Resultado final após 166 voltas:

1°. Daniel Serra/Chico Longo (Ferrari)*
2°. Juliano Moro/Christian Castro (MRX)*
3°. Geciel de Andrade/Bruno Justo (Tubarão)*
4°. Wagner Amorim (Spyder)
5°. Guaracy Costa/Odilon Menezes (Spyder)
6°. Carlos Steyer/Rogério Pretto/Paulo Poeta (Maserati)*
7°. Geraldo Sermann/Algacir Sermann (Volkswagen Gol)*
8°. Sidney Toigo/Alexsandro Rosa (MCR)
9°. Délcio Dorneles/Vineton Zambom/Marcelo Dornelles (Volkswagen Gol)
10°. Herberto Heinen/Eduardo Heinen (Chevrolet S10)
11°. Pedro Avila/Diogo Bottaro (Chevrolet Corsa)
12°. Rodrigo Gonçalves/Fabricio Colla (Ford Ka)*
13°. Juarez Terres/Ricardo Terres (Volkswagen Gol)
14°. Ricardo Landi/João Carlos de Andrade (Volvo)*
15°. Wagner Amorim (Spyder)
16°. Márcio Martins (Volkswagen Gol)
17°. Luiz Crestani/Cláudio Ricci (Tornado)
18°. Alexandre Finardi/Nelson Silva Jr. (Spyder)*
19°. Carlos Benedetti/Irineu Camargo (Spyder)*
20°. José Carlos Rossi/Fernando Mello (Spyder)
21°. Alexandre Silveira/Vianei Pereira (Mercedes SLK)
22°. Nilson Cintra/José Ribeiro (Volkswagen Fusca)
23°. Isadora Diehl/Airton Diehl (Fiat Stilo)

* – Carros inscritos para disputar o Brasileiro de Endurance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *