F-BMW: Pipo Derani entre os dez melhores em Most

Brasileiro está confiante que conseguirá uma boa colocação no treino classificatório deste sábado.

O piloto Pipo Derani, da equipe Motopark, fez o nono melhor tempo na sessão que abriu a sexta rodada dupla do Campeonato Norte-Europeu de Fórmula Renault, no circuito de Most, na República Tcheca. O brasileiro, que faz sua estréia na categoria em 2009, marcou 1:33.788. A volta mais rápida foi do português Antonio Felix Da Costa, líder da competição, que cravou 1:32.94.

Pipo deixou para estrear pneus novos no final do treino livre, mas não saiu satisfeito da pista. “Amanhã entrarei na pista mais concentrado e com certeza tentarei buscar uma posição melhor no grid”, afirmou o piloto de 16 anos.

Nesta sexta (28), a programação previa a realização de dois treinos livres, mas um acidente durante as atividades do Campeonato Europeu de Caminhões, que acontece no mesmo circuito, atrasou os trabalhos de pista. Assim, a organização do Norte-Europeu de Fórmula Renault optou pela disputa de apenas uma sessão, que teve a duração de 40 minutos.

Confira seqüência da programação da sexta rodada do Campeonato Norte-Europeu de Fórmula Renault.

Sábado (29)
6h35 – 7h05 – Treino classificatório da primeira corrida
12h20 – 12h50 – Primeira corrida

Domingo (30)
10h40 – 11h05 – Segunda corrida

Confira a relação dos 10 melhores no treino livre:
1. Antonio Felix Da Costa (Portugal) – 1min32s941
2. Kevin Magnussen (Dinamarca) – 1min32s958
3. Adrian Quaife-Hobbs (Inglaterra) – 1min33s217
4. Toomas Heikkinen (Finlândia) – 1min33s241
5. Marco Sorensen (Dinamarca) – 1min33s249
6. Kuba Giermaziak (Polônia) – 1min33s264
7. Adam Kout (República Tcheca) – 1min33s523
8. Jimmy Eriksson (Suécia) – 1min33s585
9. Pipo Derani (Brasil) – 1min33s788
10. Daniel Aho (Finlândia) – 1min33s878

Veja a classificação do campeonato:
1. Antonio Felix Da Costa (Portugal) – 219
2. Daniel Aho (Finlândia) – 158
3. Kevin Magnussen (Dinamarca) – 148
4. Marco Sorensen (Dinamarca) – 146
5. Kevin Korjus (Estônia) – 133
6. Adrian Quaife-Hobbs (Inglaterra) – 127
7. Pipo Derani (Brasil) – 118
8. Arnold Neveling (África do Sul) – 117
9. Bart Hylkema (Holanda) – 95
10. Toomas Heikkinen (Finlândia) – 92

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *