F-Mazda: Em Portland, Ernesto Otero fecha primeira corrida da rodada dupla em oitavo

Piloto brasileiro ocupava a quarta posição até restarem três voltas para o final, quando foi penalizado por ultrapassar dois retardatários sob bandeira amarela.

Depois de dois dias de intenso trabalho na evolução do G-Force/Mazda da equipe JDC Motorsport para a quarta rodada da Fórmula Mazda, realizada neste fim de semana no Autódromo de Portland, nos Estados Unidos, o piloto carioca Ernesto Otero confirmou a expectativa de disputar as primeiras posições na etapa que marcou o fim do primeiro terço do calendário da categoria.

Ele completou a prova realizada no início da noite do último sábado (horário de Brasília) na oitava posição, mas ocupou o quarto lugar até restarem apenas três voltas para o final. A vitória na rodada ficou com Tom Gladdis, que também largou na pole position e fez a melhor volta da corrida.

“Quando faltavam três giros para o final, ultrapassei dois retardatários no fim da reta dos boxes, mas não percebi que havia bandeira amarela no local por causa de um carro que havia ficado parado fora da pista. Acabei levando um stop and go e perdi quatro posições”, lamentou o brasileiro.

Apesar do incidente, Otero ficou satisfeito com o resultado da corrida, em especial pelo fato de ter completado todas as 34 voltas da prova sem a convergência ideal na roda traseira esquerda de seu carro – danificada após um toque recebido no contorno da primeira curva.

Neste domingo, o piloto brasileiro voltará à pista para o segundo treino classificatório da rodada, e para a quinta etapa do campeonato. “Teremos um novo treino de classificação e mais uma corrida neste domingo. Conseguimos deixar o carro competitivo, e espero brigar novamente pelas primeiras posições. Estamos chegando à metade do campeonato e preciso marcar pontos”, encerrou o piloto.

O resultado completo da quarta etapa da Fórmula Mazda foi o seguinte:

1) Tom Gladdism, 34 voltas em 44min33s233
2) Alex Ardoin, a 1s648
3) Billy Goshen, a 12s507
4) Kristy Kester, a 40s513
5) Taylor Hacquard, a 41s076
6) Chris Cumming, a 46s187
7) Patrick O’Neill, a 50s058
8) Ernesto Otero, a 52s953
9) J.C. Kester, a 54s006
10) Caio Lara, a 1min07s693
11) Michael Guasch, a 1min08s621
12) Gerry Kraut, a 1min08s828
13) Chuck Hulse, a 1min28s207
14) Phil Fogg Jr., a 1 volta
15) David House, a 1 volta
16) J.W. Roberts, a 1 volta
17) Frank McCormick, a 1 volta
18) Michael Gesser, a 1 volta
19) Rusty Mitchell, a 2 voltas
20) Stan Kohls, a 2 voltas
21) Dave Mundy, a 3 voltas
22) Joel Miller, a 5 voltas
23) Scott Rettich, a 6 voltas
24) Peter Dempsey, a 9 voltas
25) Brian Johnson, a 25 voltas
26) John Edwards, a 28 voltas
27) Michele Bumgarner, a 29 voltas
28) Pedro Seramalera, a 31 voltas
29) Charles Hall, a 34 voltas
30) Natalia Kowalska, a 34 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *