F-Renault 2.0: Negrão lidera novamente.Pic acaba com a festa, mais uma vez

Apesar de ser apenas a segunda prova da temporada, André Negrão já teve seu momento “revival” na temporada 2010 da Eurocup F-Renault 2.0: hoje (domingo, 18) o brasileiro liderava a segunda prova da rodada de abertura do certame, disputada no circuito espanhol Motorland Aragón, quando foi novamente abalroado pelo francês Arthur Pic. Na primeira prova, ontem, Pic provocou acidente semelhante: a diferença entre os dois episódios é que hoje a colisão foi provocada na quarta volta, quatro a menos que a prova anterior, que a exemplo de hoje também foi vencida pelo estoniano Kevin Korjus. Para Negrão a maior diferença no desenrolar dos fatos foi a acareação feita pelos comissários desportivos da prova, com ele explica:

“Ao final da prova fomos chamados à torre de controle e pediram que eu contasse a minha versão dos fatos. Fui dispensado após ser informado que “providências seriam tomadas” e, meia hora mais tarde, chamado de volta. De fato providências foram tomadas: me pediram para aceitar as desculpas do Pic e apertar sua mão. Concordei, virei as costas e voltei aos boxes, não havia mais nada a fazer…”

Na corrida de hoje Arthur Pic ocupou a pole position, mas logo após a largada perdeu a liderança para Negrão que alinhou ao seu lado.nDurante as quatro primeiras voltas os dois andaram colados e seguidos pelo holandês Daniel de Jong e pelo estoniano Kevin Korjus; a formação só foi interrompida quando o francês tentou usar a grama para tentar assumir a liderança.

“Da forma como ele tentou me passar não tinha como dar certo”, comentou Negrão. “Ele colocou seu carro na grama, que ainda estava molhada e, portanto, não oferecia a mínima aderência. Com seu carro fora de controle, desta vez ele acabou com a minha corrida e a dele”, completou o campineiro, numa clara referência ao ocorrido no sábado, quando apenas o brasileiro ficou pelo caminho.

Correção

No sábado, as primeiras informações davam conta que Arthur Pic teria completado a prova na liderança e, com sua penalização teria caído para o quinto lugar. Na realidade o que aconteceu foi que o francês voltou à pista em quinto lugar e recebeu a bandeirada cerca de 22 segundos atrás do vencedor. Após receber punição de 25 segundos o resultado oficial divulgado posteriormente o classificou em décimo-quarto lugar, fora da zona de pontos.

Resultado da prova

O resultado da prova de hoje foi o seguinte:

 

1. Kevin Korjus (Estônia), 14 voltas em 27m48s318, média de 163,2 km/h.

2. Hugo Valente (França), a 8”580

3. Bart Hylkema (Holanda), a 8”987

4. Luciano Bacheta (Grã-Bretanha), a 10s791

5. Alex Riberas (Espanha), a 16s531

6. Jordan Oakes (Grã-Bretanha), a 16s770

7. Jukka Honkavuori (Finlândia), a 20s250

8. Miguel Otegui (Espanha), a 28s323

9. Daniel Mancinelli (Itália), a 33s769

10. Brice Bosi (Luxemburgo), 34s026

 

Campeonato

 

1. Kevin Korjus, 30 pontos

2. Luciano Bacheta, 18

3. Hugo Valente, 15

4. Daniel De Jong, 12

5. Bart Hylkema, 10

6. Giovanni Venturini, 8

7. Alex Riberas, 7

8. Karl Oscar Liiv e Daniel Mancinelli, 6

10. Aaro Vainio, Jordan Oakes e Miguel Otegui, 5

13. Jukka Honkavuori, 4

14. Brice Bosi, um ponto

 

Próxima etapa da Eurocup F-Renault 2.0: 2 e 3 de maio, Spa-Francorchamps (Bélgica)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *