F1: Acordo entre Schumi e Mercedes só depende de exame médico, diz revista

A Mercedes GP, que comprou a estrutura da campeã Brawn e vai estrear no ano que vem, já chegou a um acordo com Michael Schumacher para que o alemão retorne às pistas em 2010. Pelo menos é o que publica a revista alemã Focus, que será lançada na próxima segunda-feira.

Segundo a publicação, que não cita fontes, as duas partes apenas esperam o resultado dos exames médicos de Schumacher. O alemão chegou a anunciar seu retorno no lugar de Felipe Massa na época do acidente do brasileiro, mas refugou alegando dores no pescoço.

Assim, a revista semanal confirma que Schumacher voltaria a conduzir um carro de Fórmula 1 desde quando se aposentou em 2006, após ganhar sete campeonatos mundiais e somar 91 vitórias em corridas.

Pouco depois do vazamento da informação da revista Focus, o tabloide alemão Bild já considerava o contrato de Schumacher com a Mercedes como garantido, noticiando que o acordo seria anunciado na próxima semana. O mesmo diário publicou no dia anterior que a equipe ofereceu 7 milhões de euros (R$ 18 milhões) para o alemão. 

O piloto de 41 anos estaria apenas esperando os resultados do exame para voltar a trabalhar com Ross Brawn, engenheiro que participou da “era Schumacher” na Ferrari. Ainda que as especulações se arrastem desde o lançamento da equipe Mercedes, tanto a escuderia quanto o piloto negam o suposto acerto.

Um porta-voz da Mercedes procurado pela agência Efe classificou o assunto como especulação e não deu mais detalhes, embora não tenha negado a possível contratação do alemão como companheiro de Nico Rosberg na escuderia.

Fonte: UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *