F1: Até minha avó me queria fora da McLaren, diz Alonso

O espanhol Fernando Alonso, novo piloto da Renault, afirmou que até a sua avó pedia para que deixasse a equipe inglesa no final da temporada.

Bicampeão mundial na Renault em 2005 e 2006, Alonso fechou um contrato de dois anos com a equipe de Ron Dennis, mas o relacionamento com o dirigente ruiu após ele reclamar do tratamento diferenciado ao então companheiro inglês Lewis Hamilton.


Após o encerramento da temporada, Alonso e McLaren aceitaram de forma mútua fechar a parceria um ano antes do previsto.


“A mais preocupada era a minha avó, que me pedia para sair de lá, da McLaren. Essa era a tônica das pessoas ao meu redor”, disse Alonso, em entrevista à imprensa espanhola.


Na Renault, Alonso descarta ter os mesmos problemas com o novo companheiro, o brasileiro Nelsinho Piquet.


“No final depende de mim e é a mesma coisa se o meu companheiro é mais ou menos famoso. Tenho de ser mais rápido que eles. Tenho confiança na Renault e sei que estarei em uma equipe boa”, completou.


No entanto, Alonso declarou que “seria uma loucura” pensar em título neste momento, mas acredita que a escuderia francesa tem condições de evoluir.


O espanhol ainda tratou de comentar sobre a possibilidade de corre pela escuderia Ferrari no futuro. “Quinze dias depois de acertar com a Renault dizer que eu quero fechar com a Ferrari seria injusto. Porém, se posso correr algum dia na Ferrari estou seguro que me divertiria”, observou.



Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *