F1: Bernie garante que em 2010, campeão sairá pelo número de vitórias

Derrotado pelas equipes na proposta de definir o campeão da Fórmula 1 pelo número de vitórias já este ano, Bernie Ecclestone assegurou que não vai engolir um novo revés: em 2010, independente das críticas, o sistema será adotado.

“Esse critério será apoiado pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo), está dentro das regras e vai ser introduzido no ano que vem. Então, quando as pessoas entrarem no campeonato, já saberão qual é o sistema”, comentou o dono da FOM (Formula One Management) à Radio BBC.

Acusado pela FIA de, na reunião do Conselho Mundial, ter garantido o apoio unânime de todos os times (o que não existe), Ecclestone procurou se defender. “Para fazer qualquer mudança quando as inscrições já estão feitas, é preciso ter a concordância de todos. Mas parece que alguns times não gostaram da ideia”, destacou.

O dirigente ainda defendeu o seu ponto de vista. “É uma coisa lógica: quando você vai ver os 100 metros rasos, você não olha para quem está em segundo, mas sim para o vencedor. Na maioria dos esportes é assim. A ideia é fazer com que as pessoas corram para vencer e não para ser segundo ou terceiro e ganhar pontos”, argumentou.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *