F1: Briatore admite possibilidade de retorno em 2012

Após o grande escândalo da Formula 1 em 2009, o banimento do automobilismo pela FIA pela culpa no caso envolvendo Nelsinho Piquet e a revogação da decisão por um tribunal francês, o italiano Flavio Briatore admitiu que poderá retornar à F-1 muito em breve.

Ao contrário do que já declarou por algumas ocasiões, agora o ex-chefe da Renault acena com um possível retorno, mas sem vínculo com escuderia alguma. O responsável pela volta seria o amigo pessoal Bernie Ecclestone, que poderia lhe oferecer uma vaga administrativa na categoria.

Em entrevista à TV italiana Sky Sports, Bernie e Flavio reforçaram, juntos, a possibilidade do retorno do mais polêmico dos dirigentes que a F-1 viu nos últimos tempos.

“Acho que ele poderá ocupar um cargo na área promocional da F-1”, afirmou Ecclestone, seguido por Briatore. “Fui tratado como um criminoso. Não voltarei como chefe de equipe, mas talvez em alguma outra função a partir de 2012”, revelou o italiano de 60 anos.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *