F1: Daniil Kvyat critica treinos livres de sexta-feira

Desde que a Liberty Media assumiu o controle das Fórmula 1, mudanças na categoria quanto alterações nos carros e adaptações no calendário de provas são discutidas constantemente. E quem resolveu dar seu pitaco foi o piloto da Toro Rosso Daniil Kvyat, que criticou a determinação dos treinos livres de sexta-feira em circuitos já conhecidos da temporada.

De acordo com o jovem piloto, que está de volta à Fórmula 1, um dia de sessão de treinos é mais do que suficiente para pistas que já são comuns no calendário, com exceção das novidades, como o Grande Prêmio do Vietnã, que terá início em 2020.

“Talvez precisemos apenas chegar na pista no sábado. Honestamente, conhecemos muito todas as pistas. Mas acho que precisamos dar mais tempo para novos circuitos, como o Vietnã ou algo assim”, disse o russo, em declarações citadas pelo site Motorsport.

“Cabe às cabeças da Fórmula 1 decidirem o que é melhor ou não. Todo piloto é diferente, alguns precisam de cinco horas para a adaptação, mas eu não”, completou Kvyat, que lembrou do incidente com Geroge Russel no GP do Azerbaijão, que suspendeu as atividades da pista na sexta-feira.

Depois de uma semana sem provas, a Fórmula 1 volta ao fim de semana com o Grande Prêmio da Espanha, no Circuito da Catalunha. A supremacia até então tem sido da Mercedes, que conta com Bottas na liderança geral, seguido do atual campeão Lewis Hamilton.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *