F1: Ferrari terá primeira atualização de motor no GP da Espanha

Depois de um início de temporada sem os resultados esperados e 74 pontos atrás da Mercedes, a Ferrari decidiu que irá estrear a segunda versão de seu motor em Barcelona. A ideia inicial era utilizar a segunda unidade apenas no GP do Canadá, mas a escuderia italiana optou por antecipar e rodar com a atualização já neste fim de semana.

Chefe da Ferrari, Mattia Binotto admitiu que o tempo perdido e a ausência de resultados positivos e superiores a sua principal concorrente forçaram a Ferrari a fazer mudanças.

“Estamos atualmente atrás no campeonato e temos que recuperar o atraso, o que sabemos que significa que o nosso trabalho de desenvolvimento será a chave para esta temporada. Tendo trazido um novo pacote aerodinâmico para Baku, também vamos trazer alguns desenvolvimentos nesta área para Barcelona. Além disso, teremos uma nova unidade de potência que estamos introduzindo antes do previsto”, disse o dirigente.

Além da atualização no motor, a Ferrari terá também atualizações na aerodinâmica do SF90. No Azerbaijão, a escuderia já havia utilizado novos apêndices aerodinâmicos e uma nova asa dianteira. Ainda assim, as mudanças não surtiram efeito, com a Mercedes voltando a fazer uma dobradinha em Baku.

“A Shell, em colaboração com a nossa equipe, desenvolveu uma formulação diferente de lubrificante de corrida que também será introduzida com a nova unidade de potência, proporcionando maior desempenho. É apenas um grande esforço de equipe para recuperar o terreno e conseguirmos levar esses avanços adiante”, finalizou Binotto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *