F1: De ponta a ponta Mark Webber vence GP da Espanha

O australiano Mark Webber (Red Bull) venceu neste domingo (09/05), o GP da Espanha 5ª etapa da temporada. Foi a primeira vitória de Webber no ano e terceira na categoria. o espanhol Fernando Alonso (Ferrari) e o alemão Sebastian Vettel (Red Bull) completaram o pódio.

Saindo da pole-position Webber venceu de ponta a ponta, sem ser ameaçado em nenhum momento da prova, mesmo com a equipe avisando para o australiano tomar cuidado com os freios nas voltas finais. Alonso contou com os problemas de Vettel e do inglês Lewis Hamilton (McLaren), para terminar em segundo.

Hamilton saiu dos boxes, após o pit stop na 18ª volta, no exato momento em que Vettel chegava à curva um, forçando o alemão a dar uma escapada da pista, que ainda tentou recuperar a posição pelo lado de fora.

Na 53ª volta Vettel, com problemas nos freios,  saiu da pista, na curva sete, tendo que fazer ir aos boxes devido a um pneu furado, com Alonso ganhando a terceira posição. Com uma grande vantagem sobre Schumacher, Vettel manteve o quarto lugar.

Faltando duas voltas para o final Hamilton bateu na curva três, após o pneu dianteiro esquerdo estourar, deixando o espanhol em 2º e Vettel garantindo ao menos a última vaga no pódio.

Schumacher foi o 4º, seguido por Button, que manteve a liderança do campeonato, e Massa. O ferrarista teve o rendimento comprometido devido a um toque na traseira do indiano Karun Chandhok, quando colocava mais uma volta no carro da Hispania.

O alemão Adrian Sutil (Force India) terminou em 7º, seguido do polonês Robert Kubica (Renault), que se recuperou da largada ruim. Depois de ter problemas na classificação, e largar em 17º, o brasileiro Rubens Barrichello (Williams) fez uma grande prova, chegando em 9º. O espanhol Jaime Alguersuari (Toro Rosso) fechou a zona de pontos, depois de também encontrar Chandhok pelo caminho.

O alemão Nico Rosberg (Mercedes) teve um dia bem difícil. Na largada foi forçado a ir para a grama, perdendo várias posições e depois, um problema na fixação da roda dianteira direita durante o seu pit stop, encerrou de vez as chances de ao menos pontuar.

O brasileiro Lucas di Grassi (Virgin) terminou em 19º lugar, com quatro voltas de atraso.

O brasileiro Bruno Senna (Hispania), abandonou logo na 1ª volta, após sair da pista. Ele havia feito uma ótima largada, ganhando quatro posições, de 21º para 17º.

A Sauber, que nos testes pré-temporada andou muito bem em Barcelona, e tinha seu dois pilotos bem posicionados no grid, permaneceu sem pontos no ano. O Japonês Kamui Kobayashi fez uma péssima largada, caindo de 10ª para 15º, terminando em 12º lugar. O espanhol Pedro de La rosa abandonou na 19ª volta, com o carro avariado.

Button soma 70 pontos na ponta da tabela. Alonso, com 67 é o vice-líder. Vettel soma 60 e Webber 53. Massa é o 6º com 49 e Barrichello, com sete, o 12º.

A próxima etapa, o GP de Mônaco, acontece no domingo (16/05).

Final:

1° Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault) 66 voltas em 1h35min44s101
2° Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 24s065
3° Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), a 51s338
4° Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 1min02s195
5° Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes), a 1min03s728
6° Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1min05s767
7° Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes), a 1min12s941
8° Robert Kubica (POL/Renault), a 1min13s677
9° Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth), a 1 volta
10° Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta
11° Vitaly Petrov (RUS/Renault), a 1 volta
12° Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), a 1 volta
13° Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 1 volta
14° Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes), a 2 voltas
15° Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India-Mercedes), a 2 voltas
16° Nico Hulkenberg (ALE/Williams-Cosworth), a 2 voltas
17° Jarno Trulli (ITA/Lotus-Cosworth), a 3 voltas
18° Timo Glock (ALE/Virgin-Cosworth), a 3 voltas
19° Lucas Di Grassi (BRA/Virgin-Cosworth), a 4 voltas

Não completaram a prova:

Sebastian Buemi (SUI/Toro Rosso-Ferrari), a 24 voltas/problema mecânico
Karun Chandhok (IND/Hispania-Cosworth), a 39 voltas/problema mecânico
Pedro de la Rosa (ESP/Sauber-Ferrari), a 48 voltas/problema mecânico
Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth), a 66 voltas/acidente
Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth), a 66 voltas/não largou

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *