F1: Dono da Lotus enaltece evolução dos motores da Renault no GP da China

Uma das equipes que sofre bastante com os problemas nos motores fornecidos pela Renault, a Lotus fez questão de destacar a evolução que a empresa apresentou no Grande Prêmio da China. De acordo com Gerard Lopez, dono da escuderia, a melhora em relação à última prova foi de aproximadamente dois segundos.

“Nós vimos um passo claro do lado da Renault na China. Estão falando de quase dois segundos, que é enorme. O cronômetro não mente: nós estamos dois segundos à frente em termos de performance”, disse Lopez.

Na China, Romain Grosjean confirmou a melhora da Lotus ao levar a equipe ao Q3 pela primeira vez na temporada. O piloto também apresentou um ritmo bom na corrida, porém teve problemas em seu carro e não conseguiu completá-la.

Até o momento, Grosjean e Pastor Maldonado não somaram pontos na temporada, o que deixa a Lotus como uma das quatro equipes que ainda não pontuaram. Para Lopez, o resultado é bem diferente do que era esperado no início do ano.

“Não esperávamos ter os problemas de motor que estamos tendo. Nós saímos do túnel de vento sabendo que tínhamos um bom carro. Nós realmente atingimos um pico de negatividade após a corrida no Bahrein, onde dois motores explodiram [durante os testes] e não havia nada que pudéssemos fazer”, completou.

Apesar disso, o dirigente mostra confiança na evolução da Renault e comentou quais são as expectativas do time para a próxima prova, que será realizada em Barcelona, na Espanha.

“A Renault está prometendo um avanço bastante interessante para Barcelona. Estamos muito esperançosos de que comecemos a chegar no top 10, e, a partir daí, estar brigando com quem está lá”, concluiu Lopez.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *