F1: Duas equipes pedem exclusão da Toro Rosso

As equipes Super Aguri e Midland entregaram uma carta à FIA (Federação Internacional de Automobilismo) pedindo a exclusão da Toro Rosso do Mundial de Construtores.


De acordo com as escuderias, a antiga Minardi estaria se beneficiando por correr com um motor V10, apesar da limitação de potência, enquanto as demais competem com V8.

“Acho improvável que a FIA aceite a nossa exigência por ser difícil mudar o regulamento durante o ano, mas deixamos a nossa reclamação”, disse Daniel Audetto, diretor geral da Super Aguri, em entrevista ao site da revista inglesa Autosport.

No GP da Austrália, a Toro Rosso, segunda equipe da Red Bull, conquistou o seu primeiro ponto na competição ao terminar em oitavo com o norte-americano Scott Speed, mas ao final da corrida foi punido e perdeu seu ponto.

Na mesma prova, o italiano Vitantonio Liuzzi, que abandonou após bater forte no muro, chegou a ultrapassar a Ferrari do alemão Michael Schumacher.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *