F1: Equipe japonesa nega retorno à categoria na próxima temporada

Em função de problemas econômicos, a Super Aguri deixou a Fórmula 1 na última temporada. Fumio Akita, co-proprietário da equipe, falou sobre os rumores que circularam nos últimos dias e negou com convicção um possível retorno à principal categoria do automobilismo em 2010.

“Não tem nenhuma possibilidade, não poderíamos nos permitir, inclusive sem a atual crise e seu efeito na economia japonesa”, declarou o empresário em entrevista à agência de notícias Reuters. “Não sabemos de onde chegaram esses rumores, mas o Aguri (Suzuki, o outro proprietário) já disse que não há possibilidade”, reiterou.

Na próxima temporada, a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) pretende impor um teto orçamentário de £ 40 milhões e oferecer privilégios no desenvolvimento dos carros aos times que respeitarem o limite, ideia que desagrada a equipes como Red Bull, Toyota e BMW.

Mesmo com essa possibilidade, Akita nega um possível retorno à Fórmula 1 na próxima temporada. “Não teríamos recursos para continuar e, mesmo se tivéssemos o dinheiro para gastar, deveríamos começar de novo do zero”, afirmou o co-proprietário do antigo time.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *